Bruno Peixoto: “Me preparei para ser prefeito durante toda a minha vida”

“Temos que analisar a conjuntura. Eu nasci em Goiânia e dentro do PMDB e sempre apoiei Iris Rezende, e venho me preparando durante toda a minha vida para ser prefeito de Goiânia. Respeito o atual prefeito Paulo Garcia, é natural o apoio do PMDB a ele, mas é legítimo da minha parte pleitear pela Prefeitura de Goiânia”, afirma o parlamentar.

Segundo ele, uma coligação deve respeitar todos os nomes, e se por qualquer eventualidade houver um rompimento com esta coligação, a cidade exigirá a candidatura de algum candidato do PMDB. O deputado Bruno Peixoto ressaltou que respeita a coligação PT/PMDB, e que trabalha para isso, mas destaca o direito que ele tem de tentar o poder executivo.

De acordo com o parlamentar, é necessário não apenas um nome para disputar cargos colocados à sociedade, e sim vários que devem estar preparados. “Um projeto não pode ser baseado é uma só pessoa, e sim nas ideias, na conjuntura, e na união de todos, e não estou propondo rompimento com o PT hora nenhuma”, declara.