“Não convidei Professor Alcides para o PMDB”, revela Mendanha

Peemedebista afirmou ao Blog que o partido tem bons nomes, tanto para a esfera estadual quanto federal

blog-do-coelho

Para o empresário aparecidense Professor Alcides, o problema do uso de drogas está vinculado à falta de conscientização dos jovens sobre a importância de dizer não aos aliciadores | Foto: Valdemy Teixeira

Professor Alcides é figura central das articulações políticas em Aparecida para 2018| Foto: Valdemy Teixeira

Sobre rumores de que o PMDB de Aparecida de Goiânia não tenha um nome competitivo para lançar à Câmara Federal a não ser Daniel Vilela, o presidente municipal do partido, Leo Mendanha, afirmou ao Blog do Coelho que essa análise é “equivocada”.

“Temos bons nomes e estamos trabalhando com eles, tanto para a esfera estadual quanto federal”, destacou Mendanha, que citou como exemplos o presidente da Câmara Municipal Vilmarzin, o secretário de Articulação Política Tatá Teixeira, o secretário de Desenvolvimento Econômico Ozair José (que já foi deputado) e o vice-prefeito Véter Martins.

Presidente municipal do PMDB, Leo Mendanha | Foto: Reprodução

Presidente municipal do PMDB, Leo Mendanha | Foto: Reprodução

Leo Mendanha assegurou que o foco do diretório municipal é articular a candidatura de Daniel Vilela para o Governo de Goiás no ano que vem, mas que isso não interfere no projeto relacionado à Câmara Federal.

LEIA MAIS: Podemos, de Baldy, articula filiação de secretário de Mendanha para 2018

Professor Alcides

Mendanha também comentou ao Blog sobre nota publicada em jornal de Aparecida que afirmava que o Professor Alcides Ribeiro teria sido convidado para integrar o PMDB aparecidense. Leo afirmou que o último encontro que teve com o Professor foi ainda no ano passado, antes das convenções partidárias.

Segundo ele, tal convite não houve, a não ser que tenha saído de Maguito Vilela ou Daniel. Porém, Mendanha fez questão de ressaltar: “não houve convite, mas, se ele quiser integrar o partido, será bem-vindo. É forte, respeitado, um pessoa que admiro”.

“Nós não somos inimigos, pelo contrário, só fomos adversários políticos. A eleição passou e o nosso objetivo em comum agora é o desenvolvimento de Aparecida”, arrematou.

Opinião

De acordo com a análise do Blog do Coelho, é improvável a ida do Professor Alcides para o PMDB. Primeiro, porque ele já se posicionou como oposição ao prefeito Gustavo Mendanha. Segundo, ele tem feito muitos elogios ao governador Marconi Perillo e, especialmente, ao vice-governador José Eliton, com quem já teria inclusivo feito um compromisso para 2018, segundo informações palacianas.

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter