“É a CPI do deboche”, diz petista

Deputado Luis Cesar Bueno

Para o deputado estadual petista, Luis Cesar Bueno, um dos poucos a manifestarem contrariedade à instalação da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) proposta pelo líder do governo, a nova Comissão não tem autenticidade.

“Estão querendo formar um grupo de deputados para investigar prefeituras e governo federal. Estão tirando as prerrogativas das Câmaras Municipais, Federais, e deixando de lado suas verdadeiras funções”, declarou o deputado.

Resultados irrelevantes

Para Luis Cesar a nova CPI não atuará de forma incisiva por ser presidida por membros da situação. “Eles vão comandar a Comissão que vai investigar as irregularidades de membros do seu próprio governo. Não restam dúvidas de que o empenho será pequeno e os resultados irrelevantes”, continuou o deputado.

A expectativa é de que na próxima semana a oposição indique dois membros, sendo um do PMDB e um do PT, provavelmente. O líder da bancada do PMDB, deputado Daniel Vilela, preferiu não aprofundar nas críticas e disse esperar que a mídia colabore para que os resultados sejam evidenciados e os erros sanados. “Vamos indicar um dos membros e trabalhar para que a repercussão dos fatos leve às devidas punições”, declarou.

Ft.: Diário de Goiás / Autorizado: Altair Tavares