5 dicas perfeitas para viajar a dois no Réveillon em Goiás
Depois de fazer um Guia Completo do Réveillon 2018 em Goiânia, o Folha Z decidiu também listar as melhores opções para viajar a dois no Ano Novo em Goiás
Viajar a dois pode ser uma excelente opção para quem quer fugir do movimento da capital no final do ano | Foto: Reprodução

Viajar a dois pode ser uma excelente opção para quem quer fugir do movimento da capital no final do ano | Foto: Reprodução

Depois de fazer um Guia Completo do Réveillon 2018 em Goiânia, o Folha Z decidiu também listar as melhores opções para viajar a dois no Ano Novo em Goiás. Se você quer ficar longe da badalação da capital e curtir a passagem do ano ao lado da pessoa amada, não perca essas dicas!

Escolher um destino a dois não é tarefa fácil. Por se tratar de uma data comemorada por todos nacionalmente (e não apenas pelos “pombinhos”, como é o Dia dos Namorados), a viagem de fim de ano pode se tornar mais cara e frustrante caso não seja planejada com antecedência.

Mesmo sem praias ou o glamour de uma viagem internacional, Goiás tem, sim, vários destinos maravilhosos para um passeio bem acompanhado. Quem prefere pegar a estrada e curtir a chegada do Ano Novo em algum lugar turístico, alguns locais são sempre boas pedidas no Estado. Confira as 5 dicas de viagem de Réveillon 2018 indicadas pelo Folha Z!

LEIA MAIS: 10 opções para curtir o Réveillon 2018 em Goiânia

Em Rio Quente, o Hot Park é um dos maiores parques aquáticos de águas termais do mundo | Foto: Divulgação

Em Rio Quente, o Hot Park é um dos maiores parques aquáticos de águas termais do mundo | Foto: Divulgação

>> 1 Rio Quente

Na Fazenda Água Quente, em Rio Quente, a 175 km de Goiânia, o Hot Park promoverá a sua tradicional festa de Réveillon. Para os mais festeiros, o parque realiza as festas próximo às piscinas, com DJ e banda a partir das 21h e contagem regressiva para o Ano Novo e espetáculo da queima de fogos às 23h45min. A festa continua, com música eletrônica, até o dia amanhecer. O ingresso inteiro custa R$ 370 e pode ser comprado online.

Mas quem prefere sossego não precisa se preocupar. O local onde acontecem as comemorações é afastado da área onde se concentram os hotéis. Ou seja, ideal para aqueles que desejam relaxar e aproveitar toda infraestrutura do complexo, um plano perfeito para a família inteira.

Dica de passeio: Na Esplanada do Rio Quente é possível ter uma experiência mais integrada com a natureza, há a opção do camping. Mas também é possível hospedar-se em um hotel na cidade e pagar apenas a diária no local para aproveitar o maior rio de águas quentes do mundo.

Distância de Goiânia: 175 km

Mais informações: Site da prefeitura

Em Rio Quente, o Hot Park é um dos maiores parques aquáticos de águas termais do mundo | Foto: Divulgação

Vale da Lua, em Alto Paraíso, é um destino literalmente paradisíaco | Foto: Reprodução

>> 2 Alto Paraíso

A 400 km de Goiânia, Alto Paraíso é exatamente aquilo que o nome diz. Um ambiente maravilhoso para quem quer relachar e curtir o visual deslumbrante da região tida como mágica por muita gente. As opções de pousadas, trilhas e passeios são muitas, basta dar uma pesquisada!

Dica de passeio: As formações rochosas e águas cristalinas do Vale da Lua fica a 20 km da cidade e tem entrada a R$ 20. A beleza é estonteante!

Distância de Goiânia: 400 km

Mais informações: Site da prefeitura

Parque Estadual dos Pirineus vale a esticada para quem estiver hospedado em alguma pousada na charmosa Pirenópolis | Foto: Reprodução

Parque Estadual dos Pirineus vale a esticada para quem estiver hospedado em alguma pousada na charmosa Pirenópolis | Foto: Reprodução

>> 3 Pirenópolis

Carinhosamente chamada de Piri, Pirenópolis fica a 130 km de Goiânia, uma viagem rápida e passando por estradas em bom estado de conservação. A virada do ano contará com tradicional queima de fogos. A Rua do Lazer estará animada como sempre e vários restaurantes oferecerão jantares diferenciados e cervejas especiais. Além dos bares, também tem a opção da Igreja Matriz.

Dica de passeio: O Parque Estadual dos Pirineus tem uma área de quase 3 mil hectares de trilhas, cachoeiras e poços para banhos. Além disso, lá fica o segundo mirante mais alto de Goiás, no Pico da Capelinha, a 1.385 m de altitude.

Distância de Goiânia: 130 km

Mais informações: Site da prefeitura

Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros é Patrimônio Mundial Natural | Foto: Tom Alves

Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros é Patrimônio Mundial Natural | Foto: Tom Alves

>> 4 Chapada dos Veadeiros

O Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros possui centenas de nascentes e cursos d’água; rochas com mais de um bilhão de anos, além de paisagens de rara beleza, com feições que se alteram ao longo do ano. O Parque foi reconhecido pela UNESCO em 2001 como Patrimônio Mundial Natural. Visitar a Chapada dos Veadeiros é ter garantidas caminhadas por paisagens incríveis e banhos relaxantes de cachoeira.

Dica de passeio:  Cavalcante abriga a famosa Cachoeira de Santa Bárbara. O ponto é chamado do “sagrado feminino” da região e é uma das cachoeiras preferidas dos visitantes. Por lá, você encontrará muitas pousadinhas para se hospedar.

Distância de Goiânia: 460 km

Mais informações: Site

Para quem não conhece o Rio Araguaia, a cidade de Aruanã é chance certa de se apaixonar | Foto: Reprodução

Para quem não conhece o Rio Araguaia, a cidade de Aruanã é chance certa de se apaixonar | Foto: Reprodução

>> 5 Aruanã

O Rio Araguaia é considerado por muitos como o “mar” de Goiás. Os goianos aproveitam qualquer feriado para dar uma esticada até o rio e Aruanã é um dos tradicionais pontos de praias turísticas no Estado. Pesca, esportes aquáticos e o simples descanso são as principais pedidas na cidade.

Dica de passeio: Aruanã tem opções tanto para quem gosta de acampar quanto para aqueles que preferem o conforto de um bom hotel. Pousadas também são uma alternativa. Só não vale deixar sujeira no rio ou a pesca irregular. No mais, é só diversão!

Distância de Goiânia: 315 km

Mais informações: Site da prefeitura

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter