Vila Nova tem menor torcida “digital” entre grandes goianos

Ranking é baseado em levantamento da maior empresa de pesquisa em marketing esportivo do mundo

Menor torcida nas mídias sociais é a do Vila Nova | Foto: Reprodução

Menor torcida nas mídias sociais é a do Vila Nova | Foto: Reprodução

De acordo com levantamento da maior empresa de pesquisa em marketing esportivo do mundo, o IBOPE Repucom, o time goiano com o melhor desempenho nas redes sociais é o Goiás Esporte Clube. O Vila Nova, no entanto, tem a menor torcida “digital” entre os três grandes de Goiânia.

Confira na imagem ao lado

No ranking que mostra as 40 maiores torcidas “digitais” do Brasil, o time esmeraldino é o 21º colocado, com um total de 938.689 seguidores no Facebook, Twitter, Instagram e YouTube.

Já o Atlético-GO é o 40º e último a aparecer na lista. Somando todas as redes sociais principais, o Dragão tem 112.139 torcedores. Entre os clubes das Série A, o campeão da Segundona 2016 apresenta os mais modestos números de engajamento nas mídias.

Enquanto isso, o Vila Nova não apareceu na lista, que tem times de Série C e até mesmo de Série D, caso da Portuguesa.

Nacional

Em nível nacional, o grande destaque da pesquisa foi para Atlético Paranaense e Coritiba. Com o clássico “Atletiba” transmitido pelo Youtube, os paranaenses cresceram 150% e 110%, respectivamente, em seus canais.

A Chapecoense também registrou consistência no crescimento das mídias sociais, ultrapassando o Grêmio e ocupando o posto de sexta maior base digital entre os clubes de futebol do país, atrás apenas do Flamengo e dos quatro grandes clubes do Estado de São Paulo.

LEIA MAIS: Harlei estaria atuando normalmente como diretor de futebol do Goiás

Para o diretor executivo do IBOPE Repucom, José Colagrossi, “a produção de conteúdo próprio e de qualidade é fundamental para retenção e desenvolvimento do engajamento nas mídias sociais. Clubes e seus respectivos parceiros devem promover a interatividade e conexão com seus torcedores, visando o aumento do engajamento de seus conteúdos. As altas taxas de engajamento significam uma qualificação valiosa, e certamente facilitarão a obtenção de novos negócios e patrocínios”.

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter