Manifestantes pedem a saída do governador tucano

Manifestantes usam faixas, cartazes, nariz de palhaço e apito

14 de março – Movimento, organizado por meio das redes socais, reuniu milhares de pessoas na Praça Cívica, Centro de Goiânia. Os manifestantes, formados, em sua maioria, por jovens, cobravam a saída do governador Marconi Perillo.

Com cópias das capas de edições das revistas “Carta Capital” e “Isto É”, os manifestantes caminharam da Praça Cívica até a Praça do Bandeirante, onde pararam o trânsito, pela Avenida Goiás. Eles carregavam faixas contrárias ao governo do Estado, citando a operação Monte Carlo da Polícia Federal e gritavam palavras de ordem.

O universitário João Paulo Castanheira, 17 anos, afirmou que participou da manifestação por acreditar em um Estado melhor. “Sinto-me envergonhado. Recentemente, Goiás ganhou destaque nacional em meio a tantos escândalos de corrupção. Ao participar do protesto tenho certeza que contribui à verdadeira democratização do nosso País”.

Resposta governo do Estado

Em nota, a assessoria de imprensa do governo do Estado afirmou que “o Governo de Goiás respeita todas as manifestações, inclusive as político-partidárias, mas entende que os acontecimentos seguramente não representam o pensamento do povo de Goiás e isto pode ser confirmado pelo número de participantes”.

Com informações do portal 730