Tudo que você precisa saber para abrir uma empresa em Goiânia

Confira dicas, tendências, cursos e vídeos sobre o assunto e coloque a sua ideia em prática

Folha Z elaborou um guia sobre como abrir uma empresa em Goiânia | Foto: Ilustrativa

Folha Z elaborou um guia sobre como abrir uma empresa em Goiânia | Foto: Ilustrativa

Tem vontade de abrir uma empresa em Goiânia mas não sabe por onde começar? Calma, você não estão sozinho.

Confira o guia do Folha Z sobre como abrir uma empresa em Goiânia e coloque a mão na massa!

Que todo o empreendedor, ao abrir um negócio próprio, quer ter retorno do investimento em curto prazo todo mundo já sabe. Mas a paciência e a preparação necessárias não são fáceis assim.

Por isso, segundo o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), o planejamento é uma dica essencial.

“Planejamento é fundamental para aproveitar as janelas de oportunidade”, destacou o superintendente do Sebrae Goiás Igor Montenegro.

Diretor superintendente do Sebrae Goiás Igor Montenegro | Foto: Folha Z

Diretor superintendente do Sebrae Goiás Igor Montenegro | Foto: Folha Z

Claro, não é fácil. Muitas vezes é preciso deixar a emoção de lado para não embarcar em uma ideia só com a coragem e sem os requisitos para tirá-la do papel.

Por isso, a ideia geral é que uma boa gestão deve ter estratégias de marketing, fluxo de caixa harmonioso e, sem dúvida, criatividade e inovação.

Confira seis dicas do Sebrae para quem sonham em abrir uma empresa em Goiânia:

Anote aí as dicas sobre empreendedorismo | Foto: Ilustrativa

Anote aí as dicas sobre empreendedorismo | Foto: Ilustrativa

Dicas

1. Qual negócio abrir
A dica é que você se informe bastante sobre o mercado do qual seu negócio fará parte antes de mais nada. É imprescindível analisar se ele está saturado e, principalmente, de que forma um produto diferente pode chamar a atenção. Confira algumas tendências do mercado goiano abaixo!

2. Perfil
Ser empresário não é tarefa simples. Mas também não é impossível. Basta ter o que é chamado de perfil empreendedor. E o primeiro passo é ter sede de informação, buscar conhecer a realidade do mercado e organizar um plano de negócios.

3. Informações
Em seguida, você precisa coletar informações para dar subsídio consistente antes de abrir uma empresa em Goiânia. Aqui é importante saber quem é seu público-alvo, por exemplo, e já definir uma possível estratégia de atuação.

4. Organização
O próximo passo é organizar as informações coletadas. A dica é construir o plano de negócios e a definir estratégias para posicionar corretamente a empreitada no mercado.

5. Crédito
Um estudo sobre a melhor alternativa de capital para investir na empresa é fundamental. Ficar refém de juros altos pode ser um caminho muito tortuoso para quem está começando.

6. Mão na massa
A última etapa é registrar o negócio e torná-lo realidade. Visite o site do Sebrae e saiba o que é necessário para formalizar o empreendimento.

Estar por dentro das tendências de mercado é ideal antes de abrir um negócio | Foto: Ilustrativa

Estar por dentro das tendências de mercado é ideal antes de abrir um negócio | Foto: Ilustrativa

Tendências

Resultado de uma análise de tendências de consumo, mercado e de negócios de pequeno porte do Estado de Goiás para os próximos anos, o “Estudo de Tendências e Oportunidades de Negócios em Goiás” é um excelente ponto de partida para empreendedores.

Utilizando-se de informações oficiais e de empresas e profissionais especializados no assunto, no Brasil e no mundo, o Sebrae Goiás apontou para 18 macrotendências de consumo no Estado. Confira:

1. Agronegócio

2. Busca da espiritualidade

3. Casais sem filhos

4. Consumo consciente e sustentabilidade

5. Consumo em nichos de mercado

6. Consumo nas classes emergentes

7. Economia de tempo e praticidade

8. Envelhecimento da população

9. Franquias

10. Segurança

11. Internet e conectividade

12. Mercado pet

13. Mercado single

14. Morar bem

15. O atual mundo das crianças e adolescentes

16. O poder da mulher no mercado

17. Saúde e beleza

18. Trabalho e qualificação

Veja todos os detalhes na página do estudo promovido pelo Sebrae Goiás.

LEIA MAIS: Abertura e baixa de empresas agora podem ser feitas no Sindilojas

Vídeos

Outra iniciativa do Sebrae, o programa 10 dicas é uma série de vídeos que apresenta, em pílulas animadas, diversos assuntos de interesse de empreendedores e empresários.

Na segunda temporada, o tema escolhido é Começar Bem. A série é voltada para quem quer saber mais sobre como viabilizar uma ideia de negócio ou abrir uma empresa própria.

Nos episódios são apresentados procedimentos básicos que todos os interessados em ter um negócio devem seguir para tornar a ideia lucrativa, competitiva e sustentável.

Capacitação para abrir uma empresa em Goiânia

Além da organização, a diretora de administração e finanças do Sebrae Goiás Luciana Albernaz também recomenda a capacitação de todos aqueles que desejem empreender.

“A pequena empresa sustenta a base da economia goiana e do País”, ressaltou Albernaz.

Diretora de administração e finanças do Sebrae Goiás Luciana Albernaz | Foto: Divulgação

Diretora de administração e finanças do Sebrae Goiás Luciana Albernaz | Foto: Divulgação

Uma dessas iniciativas é o programa Empreende Gyn, lançado na última segunda-feira, 14, pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Ciência e Tecnologia (Sedetec).

Os temas do curso abrangem Empreendedorismo e Inovação; Como estruturar o meu negócio, que engloba subtemas como análise do mercado, público-alvo, atividades-chave e parceiros; Marketing e Mídias Sociais com foco em vendas; e Organização e Planejamento Financeiro.

As duas primeiras turmas de alunos, cada uma contendo 40 participantes, foram preenchidas em apenas 48 horas.

Mas o interessado ainda pode fazer seu cadastro pelo site da Prefeitura de Goiânia para entrar na lista de espera.

Além da Universidade Federal de Goiás (UFG), o Empreende Gyn também conta com a parceria da Caixa Econômica Federal e do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

Programa Empreende Gyn foi lançado na última segunda-feira, 14, pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Ciência e Tecnologia (Sedetec) | Foto: Divulgação

Programa Empreende Gyn foi lançado na última segunda-feira, 14, pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Ciência e Tecnologia (Sedetec) | Foto: Divulgação

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter