Aprender inglês pode ser mais vantajoso do que você imaginava

Ser bilíngue pode te ajudar a abrir a porta para uma carreira promissora

Estudantes que querem fazer intercâmbio | Imagem ilustrativa

Junto à globalização e ao desenvolvimento de novas tecnologias, como a internet, veio também a facilidade de ampliação dos negócios para o exterior. Por isso, empresas de todas as áreas se dão conta da necessidade de contratar profissionais capacitados, que além da formação acadêmica, tenham habilidades adicionais, como o domínio de um dos idiomas chaves para os negócios e crescimento das empresas.

Por essa razão, aprender inglês e espanhol, por exemplo, costuma não só ampliar as chances de conseguir entrar para a empresa de seus sonhos, mas também assegura ao profissional maior estabilidade financeira. Assim, ele estará mais apto a subir na carreira, assumindo novos cargos e podendo representar a empresa no exterior.

A seguir, o Folha Z separou uma lista com os principais benefícios que um profissional encontrará ao entrar no mercado de trabalho dominando outros idiomas. O estudo de inglês online pode ser um primeiro passo. Encontre o seu professor de inglês particular. Confira!

Aumento das chances de conseguir a vaga

 No Brasil, um profissional bilíngue tem mais vantagens em comparação a outros concorrentes. Esse cenário pode ser entendido através de estimativas realizadas nos últimos meses, apontando que atualmente menos de dez por cento dos brasileiros falam fluentemente um idioma além do português.

Ao mesmo tempo, cada vez mais empresas procuram no mercado internacional alternativa para o crescimento de seus negócios. Sendo assim, vale muito a pena investir em uma segunda língua e, com isso, se tornar indispensável para sua empresa.

LEIA MAIS: Aprender inglês em 100 páginas: Goiano publica livro que faz promessa interessante

Chances de ser promovido

Um profissional que comprove conhecimentos avançados de inglês, por exemplo, terá chances de alcançar cargos de liderança com maior facilidade.

O motivo seria, primeiramente, a perspectiva de crescimento da empresa e a necessidade de formar um grupo no mercado exterior. Em segundo, a preocupação de perder um profissional com esse perfil para a concorrência, inclusive de empresas internacionais, já que muitos brasileiros deixam o país atraídos por condições de trabalho e salários melhores.

 Intercâmbio

O grande número de profissionais brasileiros que partem para países como EUA, Alemanha, França, Austrália e Japão, com fins de intercâmbio, só cresce com os anos. Entre as diversas causas desse fenômeno estão as facilidades existentes hoje para estudar e trabalhar em qualquer lugar do mundo.

Contudo, algumas exigências se repetem. Entre elas, está justamente a qualidade do inglês ou do idioma local. Logo, se você pensa em incrementar seu currículo através de um intercâmbio e aprender novos métodos, soluções e uso de antigos recursos, vale a pena investir no estudo de línguas e ir se preparando para um plano de carreira promissor.

Acompanhe o Folha Z no FacebookInstagram e Twitter