Assaltante é baleado por guarda civil à paisana na feira da Vila União

Vídeo mostra momentos em que o homem pede perdão e implora por atendimento médico

Homem é baleado por guarda ao tentar assaltar na Vila União | Foto: Leitor/ WhatsApp

Homem é baleado por guarda ao tentar assaltar na Vila União | Foto: Leitor/ WhatsApp

Após tentar roubar uma caminhonete Toyota Hilux SUV na manhã desta sexta-feira, 6, na feira da Vila União, em Goiânia, um homem de 29 anos foi baleado por um Guarda Civil Metropolitano.

O suspeito foi alvo de três tiros após reagir à abordagem e segue internado no Hospital de Urgências Governador Otávio Lage (Hugol).

Veja no vídeo abaixo.

Após recuperação, ele deve retornar para o sistema penitenciário em regime fechado. De acordo com a Guarda Civil, o homem cumpria pena em regime semi-aberto havia apenas 15 dias por roubo de veículos.

O curioso do ocorrido é que, após o indivíduo ser alvejado, outro casal que passava pelo local o reconheceu como autor do crime responsável por rendê-los há duas semanas e roubar o carro também modelo Toyota Hilux.

LEIA MAIS: Famosa boate de Goiânia oferece cerveja à vontade no ‘Dia da Prisão do Lula’

O crime

Tudo transcorreu no estacionamento da feira. Segundo testemunhas, ele chegou em um Fiat Siena preto, desceu portando um revólver calibre 38 e,usando uma máscara de saúde, rendeu o proprietário da caminhonete e sua esposa, que está grávida.

Apesar de o agente da Guarda estar de folga no momento, ele estranhou a situação e constatou que tratava-se de um assalto. Após abordagem, o suspeito reagiu e foi baleado no peito e abdômen.

O guarda já prestou esclarecimentos na corregedoria da corporação e se apresentou às autoridades competentes.

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter