Caldas Novas resgata tradição religiosa com Procissão do Fogaréu

ProcissãoA Igreja Católica realizou na noite da última sexta-feira, 29 de março, “Sexta-Feira Santa”, encenação da Paixão de Cristo e Procissão do Fogaréu. O

A Procissão começou por volta das 20 horas, após a missa e Santa Ceia, que foram realizadas no Jubileum, ao lado da Igreja Matriz. Em seguida, os fiéis se dirigiram para a Avenida Orcalino Santos, em frente à prefeitura municipal, onde os “Farricocos” receberam as tochas acesas. No local ocorreu a primeira parada da encenação da Paixão de Cristo, momento em que Jesus é traído por Judas.

Líder romano

Após passagem pela Praça Mestre Orlando, a encenação e procissão seguiram pela Rua Major Victor. Próximo ao Banco Itaú aconteceu o ato em que Jesus foi apresentado ao líder romano Pôncio Pilatospara julgamento. Transeuntes e moradores pararam para acompanhar o cortejo seguiu acompanhando Jesus, que já carregava cruz de madeira, em direção ao bairro Nova Vila.

A seguir, a procissão se dirigiu para Igreja São José Operário, também no bairro Nova Vila. Na igreja, todos presenciaram a ressurreição de Jesus. O ator, com auxílio de cabos e a supervisão do Corpo de Bombeiros, subiu cerca de dois metros encerrando a apresentação. Não foi registrado nenhum acidente durante todo o percurso.

Bispo da Diocese de Ipameri

Ainda na Igreja São José Operário, o Bispo da Diocese de Ipameri, Dom Guilherme Antônio Werlang, deixou uma mensagem de otimismo e esperança. O sacerdote dirigiu-se principalmente aos jovens, foco principal da Igreja Católica no ano de 2013. “Essa celebração nos conduzirá para a Páscoa da Ressurreição. Esta é uma manifestação da fé cristã que prepara os nossos corações para o ano da juventude celebrado pela igreja”, disse o Bispo Diocesano.

 

Gran Pizza