Caso reacende a suspeita em Goiânia: foi o Serial Killer que agiu no Jardim América?

Serial Killer de Goiânia pode ter voltado a agir no Jardim América

Serial Killer de Goiânia pode ter voltado a agir no Jardim América

Mais um caso de tentativa de homicídio em Goiânia trouxe à tona a preocupação de todos os moradores da capital quanto à existência de um Serial Killer que tem como alvo mulheres. O crime mais recente foi cometido em uma lanchonete no Jardim América.

No domingo (12), um homem em uma motocicleta vermelha parou em frente a uma sanduicheria no setor e desceu atirando contra uma jovem que estava sentada no loca. Depois que a arma falhou e ele não conseguiu disparar, o suspeito chutou o rosto da mulher. Felizmente, a vítima logo foi encaminhada para um posto de saúde e passa bem. Mas método de atuação reacende a suspeita: foi o Serial Killer que agiu no Jardim América?

Investigação

Foi iniciada no dia 4 de agosto uma força-tarefa para investigar os 15 assassinatos de mulheres e outros crimes semelhantes ocorridos em Goiânia. Na operação, estão envolvidos 16 delegados, entre eles nove da Delegacia Estadual de Investigação de Homicídios (DIH), 30 agentes e dez escrivães.

Nestes dois meses de investigação, dois suspeitos foram detidos. Mas a apuração não conseguiu coletar provas cabais que ligassem os dois homens aos assassinatos de mulheres.