Estudante que matou namorado é condenada a 13 anos de prisão

Maximiliano foi assassinado com três tiros
Maximiliano foi assassinado com três tiros

O Tribunal do Júri de Anápolis condenou a estudante Marielle Cardoso Alcântara a 13 de anos de pressão. Marielle foi acusado por homicídio qualificado contra o, na época, namorado Maximiliano Rodrigues Bandeira.

Caso

A estudante, que cumprirá pena em regime fechado, cometeu o crime em Anápolis, em 15 de fevereiro de 2007. Marielle teria matado o rapaz ao descobrir que ele estava se envolvendo com outra pessoa. Segundo a estudante, ela foi a casa de um conhecido para conversar com a vítima.

Eles se dirigiram para o Parque da Criança e quando estavam sozinhos, ela efetuou três disparos contra o então namorado. Marielle utilizou um revólver calibre 38. Na época do crime a estudante tinha 24 anos.