Goiano tem cartões bloqueados após viajar pelo mundo, ignorando dívida

Ele tentava renegociar a dívida enquanto ostentava vida luxuosa nas redes sociais, viajando por Estados Unidos, México e Colômbia

Homem que ostenta vida em redes sociais deve ter cartões bloqueados, CNH suspensa e passaporte apreendido pela Justiça | Foto: Reprodução

Homem que ostenta vida em redes sociais deve ter cartões bloqueados, CNH suspensa e passaporte apreendido pela Justiça | Foto: Reprodução

Um homem que não compareceu à audiência conciliatória solicitada por ele mesmo para quitar dívida deve ter documentos suspensos e cartões bloqueados.

A Justiça de Goiás determinou a suspensão da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) do indivíduo, o bloqueio dos cartões de crédito, além da apreensão de seu passaporte.

LEIA MAIS: Carros mais roubados em Goiás: dois modelos são os maiores alvos

A determinação tem como provas a vida de ostentação que o homem exibe nas redes sociais, não compatíveis com os bens declarados.

O decisão é do juiz Luiz Antônio Afonso Júnior, da 1ª Vara Cível, Criminal e da Infância e da Juventude da comarca de Ipameri.

O caso

De acordo com o Tribunal de Justiça de Goiás, o homem pleiteou uma audiência conciliatória cujo objetivo era dar fim a uma dívida no valor de R$ 11 mil, decorrente de empréstimo bancário.

A cooperativa Sicredi Planalto Central é a credora.

O juíz deferiu o pedido, porém, ele não compareceu à audiência.

Segundo a cooperativa, o homem também não justificou a ausência.

Todo o corpo judiciário compareceu ao encontro, que foi cancelado em razão do ocorrido.

Com valores corrigidos em março deste ano, a dívida atual é de R$ 14.015,95.

Ostentação e cartões bloqueados

Desde então, o banco informou que o devedor não quitou a dívida e que se surpreende com a vida luxuosa que ele divulga.

A cooperativa relatou que somente neste ano o devedor já esteve nas cidades norte-americanas de Washington e Nova Iorque, além de outras regiões do Brasil.

No ano de 2017, o homem fez diversas viagens em território nacional. Eles viajou para Jurerê Internacional, bairro nobre de Florianópolis, famoso por reunir a nata da elite brasileira.

Viajou ainda para  Porto Seguro, na Bahia, e Gramado, no Rio Grande do Sul.

Ainda no ano passado ele visitou países como Estados Unidos, México, Colômbia e outros.

Cartões bloqueados

Diante disso, a cooperativa pediu a suspensão da CNH e a apreensão do passaporte do homem. Requereu, também, o bloqueio de todos os cartões de crédito do devedor.

Depois de publicada a decisão, o indivíduo disse, em petição, que eventos inesperados impediram a sua presença.

Ele disse ainda que tem um crédito surgido de uma aplicação feita junto à Sicredi e propôs descontar do crédito a dívida restante.

Ele solicitou ainda que o saldo fosse parcelado.

As informações são do Tribunal de Justiça de Goiás.

Para mais atualizações de notícias de Goiás, siga o Folha Z no Facebook.