HB20: falha pode causar prejuízo de R$ 6 mil em simples furto de estepe

Vulnerabilidade na montagem do HB20, um dos veículos mais populares da Hyundai no Brasil, já deu muita dor de cabeça para os usuários

HB20 é um dos carros mais vendidos no Brasil | Foto: Reprodução

HB20 é um dos carros mais vendidos no Brasil | Foto: Reprodução

Uma vulnerabilidade na montagem do HB20, um dos veículos mais populares da Hyundai no Brasil, já deu muita dor de cabeça para os usuários. Em relatos espalhados pela internet, é fácil encontrar pessoas reclamando de terem tido os estepes dos seus carros furtados e, depois, terem de arcar com um prejuízo de mais de R$ 5 mil.

A jornalista Marcéli Faleiro contou ao Folha Z que seu estepe foi furtado no início de outubro, no Setor Cidade Jardim, e a maior surpresa (além da infelicidade de ser mais uma vítima da criminalidade em Goiânia) foi a quantidade de problemas elétricos que ela encontrou no carro depois. Na oficina, o orçamento do conserto ficou próximo dos R$ 6 mil.

Curiosamente, outra mulher estava na oficina naquele momento porque tinha passado pela mesma situação. Com um valor tão alto, Marcéli, que comprou o HB20  em 2014, precisou acionar a franquia do seu seguro para resolver o problema.

Chicote

O que aconteceu com Marcéli não é raro. Tudo se deve à facilidade que existe em se ter acesso à fiação do carro. Danificando um componente chamado de “chicote”, é possível desabilitar o alarme do carro e, de tabela, causar danos no air bag, seta dianteira do lado direito, buzina e bomba d’agua do limpador de para-brisas.

E, claro, a essa conta é preciso adicionar as despesas com o próprio estepe, chave de roda e do miolo da fechadura da porta do motorista. Sem contar com qualquer objeto de valor que pode ser levado durante o arrombamento.

LEIA MAIS: Os 5 carros mais roubados em Goiânia

Hyundai

Ao procurar a concessionária, Marcéli foi informada que o problema é conhecido e que novos modelos já viriam modificados para proteger melhor o chicote. Porém, o relato do Serviço de Atendimento ao cliente da montadora coreana Hyundai foi diferente: a atendente relatou que não há previsão de modificação na montagem do HB20, mas que levariam em conta “o feedback dos clientes para melhorar o produto”.

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter