Mais 15 médicos começam a atender em Aparecida

Médicos são recebidos em Aparecida / Foto: Valdir Antunes

Médicos são recebidos em Aparecida / Foto: Valdir Antunes

Quinze novos médicos se apresentaram à Secretaria Municipal de Saúde (SMS) para atuarem na Estratégia de Saúde da Família (ESF). Dez médicos chegam por meio do programa do Governo Federal Mais Médicos e os outros cinco profissionais pelo Programa de Valorização do Profissional da Atenção Básica (Provab).

Intuito é de estimular e valorizar médicos que atuam em equipes multiprofissionais no âmbito da Atenção Básica e ESF. O prefeito Maguito deu as boas-vindas aos profissionais da saúde e fez uma rápida apresentação do município:

“Vamos trabalhar juntos pelo bem da população de Aparecida de Goiânia, uma cidade acolhedora que sabe receber bem seus visitantes. Em nossa cidade, saúde e educação são prioridades e por isso temos trabalhado incansavelmente para dar condições e valorização aos nossos profissionais e aos principais beneficiados, que são os aparecidenses. Prazer em recebê-los”, cumprimentou o prefeito.

 Atuação

A secretária municipal de Saúde de Aparecida, Vânia Cristina Rodrigues, apresentou aos médicos, as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) onde cada um deles irá atuar. A titular da pasta ressaltou os investimentos na área e a crescente demanda do município:

“Recentemente inauguramos a 13ª UBS dessa gestão, mais três estão em construção além de duas Unidades de Pronto Atendimento e 14 UBSs em fase de licitação. Até 2016, Aparecida passará a contar com 32 unidades de saúde e o Hospital Municipal com 220 leitos. Na medida que o fluxo de atendimento em Aparecida aumenta, os investimentos também acompanham esse ritmo”, frisou a secretária.

Para a médica Thalissa Martins que atua há três anos em Senador Canedo e chega em Aparecida por meio do programa Mais Médicos, será uma oportunidade de aumentar a experiência no atendimento à Estratégia de Saúde da Família, além de qualificar seu currículo. “O programa é válido para médicos, gestão e público alvo. É uma forma de elevar a relação entre o profissional da saúde e a comunidade, além de dar base para a formação de profissionais cada vez mais experientes”, enalteceu.

 Também acompanharam a reunião a acolhida dos médicos, o secretário de Governo e Integração Institucional, Euler de Morais; secretário de Comunicação, Ozeias Laurentino Jr e coordenadora da ESF em Aparecida, Érika Lopes Rocha.