Notícia falsa de bebê em carro roubado inunda WhatsApp

Você já recebeu essa mensagem hoje?

Notícia falsa circula no WhatsApp (Foto: Reprodução)

Notícia falsa circula no WhatsApp (Foto: Reprodução)

Uma notícia falsa circula pelo WhatsApp e tem assustado muitas pessoas em Goiânia e em quase todo o Brasil. De acordo com o texto, um carro teria sido roubado e o bebê de apenas 2 meses do proprietário estaria dentro do veículo levado pelos assaltantes.

Felizmente, a mensagem refere-se a uma história que já circula pela internet há anos e, segundo departamentos de polícia de todo o país, não passa de boato. Em grupos do aplicativo de mensagens, muitas pessoas já se atentaram para o detalhe. Mas a mensagem continua sendo compartilhada.

Confira a íntegra do texto:

“Urgente. Roubaram um carro com um bebê dentro. O Filho da professora Silvana Zaniolo pede ajuda de todos.Ajudem a divulgar: Roubaram agora na José Bonifácio.. Rua do Detran. Um Uno 2006 prata, placa: GZB8905. Se identificar o carro, favor ligar no 98852-8589. O dono esta louco pois levaram o carro com a bebê dele dentro. Repasse rápido, por favor é sério.Repassa quem puder,estou Repassando de outro grupo…..e vamos orar tbm pra que nada aconteça a essa criança, o Bebê tem só 2 meses! Por favor, ñ custa nada ajudar.”

LEIA MAIS: Áudio de WhatsApp afirma que pedir nota fiscal reduzirá preço de gasolina. Será?

Notícias falsas

No intuito de ajudar e agilizar a solução do crime, muitas pessoas compartilham esse tipo de mensagem para amigos e grupos. Porém, a recomendação da polícia é tentar, minimamente, verificar a origem da informação antes de causar pânico ou colocar a vida de terceiros em risco.

Disfarçadas, com linguagem alarmante e nenhuma apuração jornalística, as notícias falas influenciam leitores que não conseguem diferenciar verdade e boato. Preocupado com esse problema mundial, o Facebook desenvolve uma ferramenta para combater a divulgação de notícias em sua plataforma. Por meio do recurso, você poderá marcar uma publicação como falsa quando identificá-la em seu feed.

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter