Pintor morre ao cair no fosso do elevador de prédio no Setor Central, em Goiânia

Segundo a Polícia Civil (PC), a suspeita é que tenha ocorrido um acidente: "Pelo que apuramos, a porta abriu e ele caiu no vazio"

Pintor morre ao cair no fosso de um prédio no Setor Central em Goiânia| Foto: Reprodução/TV Anhanguera

Pintor morre ao cair no fosso de um prédio no Setor Central em Goiânia| Foto: Reprodução/TV Anhanguera

Um pintor de 35 anos morreu na última quinta-feira, 22, após cair no fosso do elevador de um prédio, no Setor Central, em Goiânia.

Segundo a Polícia Civil (PC), a suspeita é que tenha ocorrido um acidente. “Pelo que apuramos, a porta abriu e ele caiu no vazio”, disse o delegado Izaías Pinheiro, do 1º DP de Goiânia.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, a queda aconteceu no 4ª andar, a uma altura aproximada de 15 metros. Quando a corporação chegou ao imóvel, localizado na Avenida Araguaia, ele já estava sem vida.

Conforme o depoimento do administrador do edifício, a vítima estava trabalhando no 1º andar e subiu até o 4º para falar com ele.

LEIA MAIS: Garota de programa servia de isca para assalto a caminhoneiros em Itumbiara

Após conversarem, o pintor saiu. Minutos depois, a mãe do administrador, que estava no térreo, subiu as escadas correndo e disse ao filho que tinha ouvido um barulho muito forte.

Eles tentaram acionar o elevador, mas não conseguiram. Diante disso, também pelas escadas, conseguiram visualizar o fosso e perceber que o pintor estava no local.

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter