Suspeito de ser o Serial Killer trabalhava no Materno-Infantil

Ele é suspeito de assassinar várias jovens em Goiânia nos últimos meses

Ele é suspeito de assassinar várias jovens em Goiânia nos últimos meses

O suspeito de ter cometido uma série de assassinatos em Goiânia, detido na noite dessa terça (14), trabalhava como vigilante noturno no Hospital Materno-Infantil, órgão público gerido pelo governo do Estado.

O suposto Serial Killer era o responsável pelos períodos noturnos na vigilância do hospital, mais especificamente no Centro de Reabilitação de Fissuras Lábio-Palatinos (Cerfis). Ele foi detido quando ia para o trabalho na noite de terça-feira (14).

Na tarde dessa quarta (15), a Polícia Civil confirmou a notícia de que o suspeito havia confessado 39 assassinatos, entre os quais 8 de mulheres.