Violência em Goiás: sequência de roubos acaba em perseguição policial

Dois carros foram roubados em um período de 4 horas em Bela Vista, a 50 km de Goiânia

Dois carros foram roubados em um período de 4 horas na última sexta-feira, 23, em Bela Vista, a 50 km de Goiânia, e aumentaram estatísticas da violência em Goiás | Foto: Divulgação/ PM

Dois carros foram roubados em um período de 4 horas na última sexta-feira, 23, em Bela Vista, a 50 km de Goiânia, e aumentaram estatísticas da violência em Goiás | Foto: Divulgação/ PM

Dois carros foram roubados em um período de 4 horas na última sexta-feira, 23, em Bela Vista, a 50 km de Goiânia.

A conclusão de dezenas de famílias que antes eram acostumadas com a vida simples longe da capital e agora se tornaram reféns da criminalidade é de que a cidade deixou de ser pacata e segura.

Há até quem mudou o estilo de vida com o receio de engrossar as estatísticas da violência em Goiás.

O Residencial Via Flores, em especial, virou alvo dos criminosos quando se trata de roubo a residências e veículos.

O alto padrão das casas no bairro e a proximidade à rodovia GO-020 e estradas vicinais fazem com que o local seja visado pelos assaltantes.

Na última sexta-feira, 23, o residencial, que fica a 3 km do centro de Bela Vista, sofreu com dois roubos de carro no período de 4 horas.

Sequência de roubos acaba em perseguição policial, em Bela Vista de Goiás | Foto: Divulgação/ PM

Sequência de roubos acaba em perseguição policial, em Bela Vista de Goiás | Foto: Divulgação/ PM

Primeiro assalto

O primeiro roubo ocorreu na Rua 10, por volta das 17h. Dois homens armados anunciaram o assalto e tomaram um veículo Honda Civic branco.

LEIA MAIS: Amarrada e torturada, idosa é vítima de latrocínio em Caldas Novas

De acordo com a vítima, Helvena Pena Magalhães, ainda foram levados dois aparelhos celulares, das marcas LG e iPhone, duas correntes de ouro (uma feminina e outra masculina) e uma aliança.

Os assaltantes chegaram em um veículo azul, provavelmente um Golf. Após praticarem os roubos, evadiram pela GO-020, sentido Goiânia.

Helvena, que informou a Polícia Militar (PM) do assalto por meio de uma ligação, diz ter sofrido momentos de pânico durante e após o assalto.

Ela imaginou que o filho havia sido levado refém pelos assaltantes, mas, felizmente, a criança havia apenas se escondido com medo dos assaltantes.

Roubos de carros em Bela Vista de Goiás assustam moradores | Foto: Divulgação/ PM

Violência em Goiás: roubos de carros em Bela Vista de Goiás assustam moradores | Foto: Divulgação/ PM

Prisão

Imediatamente as informações foram compartilhadas via rádio pela PM e unidades especializadas de Goiânia entraram no caso.

Os criminosos foram localizados na GO-020. Ao perceberem a aproximação da PM, eles retornaram na contra mão e abandonaram o veículo nas proximidades da ponte do Rio Caldas, onde fugiram pelo matagal.

Foi então que as equipes de apoio da PM (Choque, Rotam, GRAer, Giro e Bope) se dividiram e iniciaram as buscas.

Policiais do Choque informaram que, ao encontrarem um dos assaltantes escondido no matagal, foram recebidos com disparos de arma de fogo e revidaram, alvejando o suspeito.

Identificado como Igor Dias Mendes, ele foi levado ao Hospital Municipal de Bela Vista de Goiás, mas não resistiu aos ferimentos. Igor tinha várias passagens pela polícia.

O outro criminoso foi localizado minutos depois e levado para a delegacia.

Segundo assalto

Por volta das 21h do mesmo dia, no mesmo setor, um veículo da marca Volkswagen Virtus branco também foi roubado.

A vítima, Hudson Santiago, que acabara de acompanhar o assalto a sua vizinha Helvena horas antes, entrou para a crescente estatística da criminalidade bela-vistense.

Segundo o boletim de ocorrência, dois indivíduos em uma moto abordaram Hudson no momento em que ele chegava com sua família e entrava em casa. O assalto durou menos de 3 minutos.

O Folha Z entrou em contato com a família, que preferiu não comentar o caso, temendo represália por parte dos assaltantes.

Autoridades

Por telefone, o sargento José Aparecido, da 3ª Companhia Independente de Polícia Militar (3ª CIPM), informou que o Honda Civic roubado no primeiro crime foi recuperado horas depois após o roubo na GO-020.

Já a respeito do Virtus, a 3ª CIPM trabalha junto com a Polícia Civil na investigação na busca e apreensão do veículo e dos autores.

Segundo o sargento, a companhia militar de Bela Vista em geral faz o patrulhamento no Residencial Via Flores de 10 a 15 vezes por dia. Ele disse também que essa sequência de roubos foi um caso isolado.

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter