Vereador quer que taxistas atuem com aplicativo em Goiânia

Objetivo é fazer com que os taxistas tenham melhores condições de competir com as empresas já estabelecidas na cidade

Taxigo: App para taxistas de Goiânia é proposto na Câmara | Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

Taxigo: App para taxistas de Goiânia é proposto na Câmara | Foto: Oswaldo Corneti/ Fotos Públicas

Um projeto de lei foi apresentado à Câmara Municipal de Goiânia com o objetivo de possibilitar o uso de aplicativos de transportes para taxistas.

Autor do projeto, vereador Carlin Café (PPS) visa alterar a Lei nº 9.445/2014 e permitir o uso das plataformas para que os taxistas tenham melhores condições de competir com as empresas já estabelecidas na cidade.

Caso aprovada, a proposta será colocada em prática por meio de um convênio com a Prefeitura do Rio de Janeiro, que já possui uma plataforma nos mesmos moldes.

LEIA MAIS: Para deputado, Goiás não precisa de intervenção federal na Segurança

Vereador Carlin Café (PPS) | Foto: Câmara de Goiânia

Vereador Carlin Café (PPS) | Foto: Câmara de Goiânia

Na prática

Os profissionais do transporte poderiam utilizar o Taxigo, como deve ser nomeado em Goiânia, isentos de qualquer tipo de custo ou cobrança.

A tarifa terá aplicação no serviço de táxi e será estabelecida pelo prefeito Iris Rezende (MDB),tendo como base a planilha de cálculos e custos que serão elaborados pelo órgão competente.

Outra proposta é a possibilidade de redução de tarifas ou descontos previstos em regulamento próprio.

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter