Cunha responsabiliza a Globo por cassação

"Emissora não se sente atingida pela acusação do deputado cassado Eduardo Cunha", disse Bonner

Cunha ataca a Globo; a empresa rebate: "A Globo não se sente atingida pela acusação do deputado cassado Eduardo Cunha" | Foto: Reprodução

Cunha ataca a Globo; a empresa rebate: “A Globo não se sente atingida pela acusação do deputado cassado Eduardo Cunha” | Foto: Reprodução Reprodução

O ex-deputado federal Eduardo Cunha (PMDB-RJ) responsabilizou a Rede Globo por sua cassação. Minutos depois de perder o mandato, no final da noite de segunda-feira , 12, o peemedebista disse em entrevista coletiva que  foi um “processo de vingança da conjuntura”.

“As Organizações Globo fizeram campanha de perseguição aos deputados para estarem presentes, como fazem uma campanha todos os dias. Então, é muito difícil você aguentar como eu aguentei, um ano inteiro com a TV Globo de campanha, como fez. Então eu diria para você que é um conjunto político do processo de vingança da conjuntura”, desabafou.

Na noite desta terça-feira, 13, durante o Jornal Nacional (JN), o âncora e editor-chefe William Bonner, leu uma nota em resposta ao ex-parlamentar.

LEIA MAIS: Presidente do PSDB-GO, Afrêni é indicado líder de organização criminosa

ÍNTEGRA DA NOTA

“A Globo não se sente atingida pela acusação do deputado cassado Eduardo Cunha. Frequentemente, a queixa é repetida por políticos de diferentes cores ideológicas, ao se verem em dificuldades motivadas por atos próprios ou de seus partidos. Como em casos semelhantes, a Globo cobriu os fatos com correção e isenção, de acordo com a gravidade e a relevância que exigiram. E assim continuará a agir, em cumprimento aos princípios jornalísticos e em respeito aos seus telespectadores, em respeito aos cidadãos brasileiros.”

Acompanhe o Folha Z no Facebook,Instagram e Twitter