Mais de 80% dos deputados goianos votaram sim à Reforma Trabalhista. Veja

Dos 16 parlamentares goianos, apenas três foram contrários ao projeto

Fábio Sousa (PSDB), Daniel Vilela (PMDB) e Thiago Peixoto (PSD) foram alguns dos deputados goianos favoráveis à Reforma Trabalhista | Foto: Reprodução

Fábio Sousa (PSDB), Daniel Vilela (PMDB) e Thiago Peixoto (PSD) foram alguns dos deputados goianos favoráveis à Reforma Trabalhista | Foto: Reprodução

Na última quarta-feira, 26, o Plenário da Câmara dos Deputados aprovou por 296 votos a 177 o texto-base da Reforma Trabalhista proposta pelo Governo Temer. Dos 16 parlamentares goianos, apenas três foram contrários ao projeto.

Votaram a favor da reforma: Alexandre Baldy (PTN), Célio Silveira (PSDB), Daniel Vilela (PMDB), Fábio Sousa (PSDB), Giuseppe Vecci (PSDB), Heuler Cruvinel (PSD), Jovair Arantes, (PTB), Lucas Vergílio (Solidariedade), Magda Mofatto (PR), Marcos Abrão (PPS), Pedro Chaves (PMDB), Roberto Balestra (PP) e Thiago Peixoto (PSD).

Aqueles que votaram contra a base do governo foram Delegado Waldir (PR), Flávia Morais (PDT) e Rubens Otoni (PT).

LEIA MAIS: Acidente próximo à Câmara Municipal de Aparecida deixa criança ferida

O texto foi aprovado após serem rejeitados dez destaques apresentados pelos partidos de oposição e de partidos da base aliada. Outros destaques que seriam votados nesta quinta-feira, mas foram retirados e o texto segue agora para votação do Senado. A sessão que aprovou a reforma foi aberta na manhã dessa quarta-feira e foi encerrada às 2h06.

A expectativa da oposição é que o processo corra mais lentamente no Senado devido à interferência de Renan Calheiros (PMDB), ex-presidente da Casa que está rompido com o presidente Michel Temer.

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter