Por que os hotéis de Curitiba negaram hospedagem a Lula

Ex-presidente Lula presta depoimento nesta quarta-feira, 10, em Curitiba e as redes sociais estão tomadas por debates

Lula depõe a Moro nesta quarta, 10, em Curitiba | Foto: Beto Barata

Lula depõe a Moro nesta quarta, 10, em Curitiba | Foto: Beto Barata

O ex-presidente Lula presta depoimento nesta quarta-feira, 10, em Curitiba e as redes sociais estão tomadas por debates entre seguidores do petista e apoiadores do juiz federal Sérgio Moro. Porém, um detalhe passou despercebido: a assessoria do ex-presidente teve dificuldade para encontrar um hotel para ele se hospedar na cidade.

De acordo com a “Gazeta do Povo”, hotéis procurados recusaram o hóspede por temer represálias e manifestações dos apoiadores da Lava Jato. A movimentação de grupos opositores já é grande na cidade desde ontem, 9.

Depois de muita insistência, informou a publicação, advogados de Lula acabaram conseguindo que a gerência do Bourbon Curitiba, no Centro, concordasse em hospedá-lo por apenas algumas horas. A direção do hotel, no entanto, não confirmou a reserva em nome de Lula.

LEIA MAIS: Concurso da PMGO para 2 mil vagas é anunciado pelo governador

Entrevista

Como está acostumada a usar os serviços do hotel, a equipe jurídica do petista também pediu que uma entrevista coletiva após a audiência fosse realizada em uma sala de conferência, o que foi negado pela empresa.

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter