Lucas Kitão foca no empreendedorismo jovem em busca de vaga na Câmara

0
6
Lucas Kitão em entrevista ao repórter Marco Faleiro (Foto: Guilherme Coelho)
Lucas Kitão em entrevista ao repórter Marco Faleiro (Foto: Guilherme Coelho)

Lucas Kitão (PSL) é um dos mais jovens candidatos a vereador nas Eleições 2016. Com 25 anos de idade e disputando pela primeira vez cargo eletivo, ele aposta na mudança de comportamento dos parlamentares a partir da próxima legislatura.

Advogado, ele disse ao Folha Z que pretende se manter o mais próximo possível do seu eleitor. “O número que está impresso no santinho é do meu celular pessoal”, disse. Segundo Kitão, caso seja eleito vereador, qualquer cidadão poderá contatá-lo por meio deste telefone para fazer sugestões, cobranças e reclamações.

Projetos

Lucas destacou que sua principal bandeira é o empreendedorismo jovem. Ele planeja propor a construção de uma “zona digital” em Goiânia. Segundo o candidato, a ideia já foi colocada em prática em Recife e consiste em um local que facilite o desenvolvimento de novas empresas de tecnologia na cidade, por meio de isenções e estímulos do município.

Além disso, Lucas Kitão que será grande apoiador dos realizadores de eventos culturais em Goiânia. Para ele, mostras, festivais e shows aquecem o comércio e o turismo na cidade, trazendo pessoas de vários outros Estados, movimentando restaurantes, bares e hotéis e gerando emprego e renda para o cidadão.

LEIA MAIS: “Vou consertar o transporte coletivo”, afirma Iris Rezende

Críticas

O candidato fez críticas pontuais à gestão do prefeito Paulo Garcia (PT) e disse que os recursos da cidade podem ser melhor aproveitados caso haja mais planejamento e menos desperdício, principalmente na área da Saúde.

No caso do transporte coletivo, o advogado mantém uma postura forte, afirmando que é necessário fiscalizar e cobrar das empresas que exploram o serviço e, em último caso, até mesmo refazer os contratos por meio de novas licitações. Para ele, o vereador tem atuação importante nesse papel de fiscalização e cobrança.

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter