Em visita a príncipe, Marconi debate relações comerciais entre a Árabia Saudita e Goiás

Comitiva goiana realizou visita a convite do príncipe Muqrin Bin Abdulaziz Al Saud, que demonstrou interesse do governo da Arábia Saudita em aprofundar o contato com o Governo de Goiás

Príncipe Muqrin Bin Abdulaziz Al Saud e o governador de Goiás, Marconi Perillo, na Árabia Saudita | Foto: Gabinete de Imprensa do Governador de Goiás

Príncipe Muqrin Bin Abdulaziz Al Saud e o governador de Goiás, Marconi Perillo, na Árabia Saudita | Foto: Gabinete de Imprensa do Governador de Goiás

Em visita na tarde desta quinta-feira, 2, à propriedade do príncipe Muqrin Bin Abdulaziz Al Saud, o governador de Goiás, Marconi Perillo, recebeu uma sinalização de que o governo da Árabia Saudita está interessado em ampliar as relações comerciais com o Estado de Goiás.

As declarações de interesse em concretizar investimentos em Goiás foram dadas pelo príncipe a Marconi e à delegação goiana, em uma fazenda de sua propriedade nos arredores de Riade, capital da Arábia Saudita, onde o Governo de Goiás realiza Missão Oficial.

A comitiva goiana realizou a visita a convite do próprio príncipe Muqrin Bin Abdulaziz Al Saud, que apresentou dados sobre a economia saudita, discorreu sobre os investimentos que o país tem interesse em fazer, e afirmou que o governo da Arábia Saudita pretende aprofundar o contato com o Governo de Goiás.

Na ocasião, Marconi também falou sobre as potencialidades turísticas e econômicas de Goiás, enfatizando a localização estratégica do Estado no Centro-Oeste do Brasil. “O governo da Arábia Saudita demonstrou muito interesse pela economia de Goiás, pelo agronegócio goiano e pela atuação do Governo de Goiás na área de energia”, destacou Marconi.

Governador Marconi na propriedade do príncipe Muqrin Bin Abdulaziz Al Saud | Foto: Gabinete de Imprensa do Governador de Goiás

Governador Marconi na propriedade do príncipe Muqrin Bin Abdulaziz Al Saud | Foto: Gabinete de Imprensa do Governador de Goiás

O governador esteve na propriedade do príncipe Muqrin acompanhado pelo presidente da Assembleia Legislativa, José Vitti, pelo secretário Assuntos Internacionais, Isanulfo Cordeiro, e pelo assessor de imprensa João Bosco Bittencourt. Acompanharam também o presidente do Fórum Nacional Sucroenergético, André Rocha, o presidente da Federação das Indústrias do Estado de Goiás (Fieg), Pedro Alves, e o vice-presidente da Saneago, Elie Chidiac. O embaixador do Brasil na Arábia Saudita, Flávio Marega, acompanhado da mulher, Cláudia Marega, também participou do encontro.

O príncipe

Muqrin bin Abdulaziz Al Saud é membro da Casa de Saud e ex-diretor-geral da Al Mukhabarat Al A’amah, a agência de inteligência da Arábia Saudita entre 2005 e 2012. Em julho de 2012, o príncipe Muqrin foi apontado pelo rei Abdullah bin Abdul Aziz Al-Saud como conselheiro do monarca e enviado especial com status de ministro de Estado.

Em fevereiro de 2013, foi nomeado como vice-primeiro-ministro do país. Em 27 de março de 2014, foi indicado para ser o segundo na linha sucessória do trono saudita, atrás do seu irmão Salman bin Abdalaziz Al Saud. Com a morte do rei Abdallah e a ascensão de Salman como monarca do país, Muqrin permaneceu durante três meses como o herdeiro presuntivo.

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter