Site indica locais para programas a dois

Pedro Henrique é um empreendedor nato

O gestor em Tecnologia da Informação, Pedro Henrique de Souza Garcia, de 23 anos, é um empreendedor nato. Aos 12 anos, procurou o Sebrae, em Goiânia, para saber qual o caminho mais viável para colocar em prática, na internet, um site especializado em viagens, semelhante aos atuais e-commerces de vendas de pacotes e passagens aéreas.

No entanto, após conversar com consultores, viu que o projeto era audacioso demais para alguém tão jovem. Mas não desistiu. Enquanto planejava a viagem de lua de mel, em 2010, o então estudante se deparou com a oportunidade de retomar o sonho.

“Existe dificuldade real quando o assunto é procurar serviços e dicas voltadas para casais na web. As informações são dispersas e muitas vezes específicas, o que obriga o interessado a fazer extensa pesquisa em diferentes fontes, que muitas vezes usam critérios distintos e não tem como foco o casal”, afirma o gestor.

Após pesquisa de mercado, Pedro percebeu que não havia site exclusivo para suprir essa demanda. Foi então que o jovem empreendedor resolveu reunir áreas de interesses comuns à maioria dos casais num único endereço online: o Guia Romântico. No ar há seis meses, o portal traz informações e serviços para orientar a programação a dois, sejam eles residentes na própria cidade ou turistas.

Além da indicação de bares, hotéis, restaurantes, festas, filmes e presentes para casais de todas as idades, estilos e condições financeiras, o site também abre espaço para que o usuário avalie os serviços disponíveis e conte suas experiências com determinado local, conforme parâmetros como atendimento, romantismo e privacidade.

Pedro explica que qualquer estabelecimento que combine com o público-alvo pode ser cadastrado gratuitamente no Guia Romântico. Para que o conteúdo seja o mais confiável possível e ofereça opções de qualidade comprovada, os dados do local são analisados em buscas pela internet, principalmente no que diz respeito à satisfação dos clientes.

Crescimento

Pedro calcula que do lançamento até o final do próximo ano, o site tenha recebido investimentos na ordem de R$ 210 mil, já que o Guia Romântico não tem como meta ficar apenas nas sugestões. Até 2015, pretende iniciar a venda de pacotes de viagens fechados para casais, com a abertura para que os mesmos possam montar seu roteiro a partir das dicas. Nessa época, ele acredita que o site também esteja com o conteúdo traduzido para inglês, espanhol e francês, para atender às demandas de estrangeiros.

No momento, o gestor de TI foca as atenções na divulgação do site por meio de ações promocionais nas redes sociais e de publicidade no Google, com o intuito de atrair visitas e possíveis parceiros para investimentos. “A lucratividade não é o foco no momento, pois acredito que em breve o site vai me dar retorno nesse sentido. Por isso, me dedico integralmente a esse negócio”, diz Pedro. [Guia Romântico, www.guiaromantico.com]

Wanessa de Almeida / ASN