Sugestões e desenhos da comunidade ajudarão a arquitetura do Parque do Cerrado

Arquiteto Guilherme Takeda realiza workshop que combina a participação popular e a arquitetura do parque / Foto; Divulgação
Arquiteto Guilherme Takeda realiza workshop que combina a participação popular e a arquitetura do parque / Foto; Divulgação

O workshop ‘Parque do Cerrado’ , com objetivo de colher ideias para o desenho do novo parque da cidade, será nesta terça e quarta (11 e 12), às 18h40, no Centro Cultural Oscar Niemeyer. A iniciativa é da Prefeitura de Goiânia, por meio da Agência Municipal do Meio Ambiente (Amma), em parceria com a Euroamérica Incorporações.

Para o presidente da Amma, Pedro Wilson, a parceria da população é de extrema importância. “Essa formatação é pioneira na nossa cidade e para que aconteça da maneira planejada, pedimos a participação da população goianiense, para que tenhamos um parque que seja a concretização da vontade dos moradores da cidade’.

O arquiteto Guilherme Takeda, da Euroamérica Incorporações, afirma que é importante que a comunidade participe da formatação do projeto. “Iremos reunir as melhores ideias e transcrevê-las de forma técnica num anteprojeto de arquitetura e urbanismo”. Takeda acrescenta ainda que a participação popular segue métodos de projetos similares criados no exterior, principalmente nos EUA.

O evento começará com um coquetel de boas-vindas, seguido da abertura oficial e apresentação do projeto e metodologia. Logo após, será dado início aos trabalhos de desenhos e sugestões.

 

Comentários do Facebook