Aparecida deve retomar fechamento por regiões, apesar de nota técnica

Atualmente, a rede municipal tem 75% dos leitos de UTI para Covid ocupados

Aparecida de Goiânia - Crédito: Rodrigo Estrela

Desde junho de 2020, o prefeito de Aparecida de Goiânia, Gustavo Mendanha, decidiu por adotar um modelo diferente de combate à pandemia de coronavírus no município.

Contrariando as notas técnicas, que à época diziam que apenas o fechamento completo do comércio solucionaria o problema da taxa de contaminação pelo novo coronavírus, Aparecida decidiu adotar o fechamento por regiões.

O modelo encontrado foi inspirado no que foi implementado em Israel, e busca amenizar os impactos da pandemia tanto na área da saúde, quanto na economia.

Os resultados foram satisfatórios para a administração da cidade e, hoje, Aparecida parece ter maior controle sobre os efeitos da pandemia na cidade que Goiânia.

Atualmente, a rede municipal tem 75% dos leitos de UTI para Covid ocupados e a prefeitura deve retomar o fechamento por região, além dos testes com spray israelense.

“Deu certo em 2020”, afirmou Mendanha em uma entrevista. “Vamos seguir com este modelo”, reiterou.


Acompanhe tudo que acontece em Aparecida de Goiânia seguindo o Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook