Cadela salva dona de tentativa de estupro

Cachora que salvou menina de estupro deixou ferimentos no corpo do agressor (Foto: Reprodução TV Tem)
Cachora que salvou menina de estupro deixou ferimentos no corpo do agressor (Foto: Reprodução TV Tem)

A Polícia Civil da cidade de Pilar do Sul, interior paulista, identificou na última sexta-feira (5) um suspeito de espancar e tentar estuprar uma criança de 10 anos. O crime, ocorrido em agosto, só foi relatado na quinta-feira passada (4), quando a menina acordou do coma causado pelo espancamento.

Segundo a polícia, a vítima contou ao pai tudo o que ocorreu no dia do crime assim que recuperou a consciência. Ela disse que atendeu a um homem no portão de casa e, assim que virou as costas, foi seguida e atacada por ele. O criminoso agrediu a menina com um golpe na cabeça, mas foi impedido de prosseguir com o estupro pela cadela da família.

De acordo com o relato da vítima, a cadela de nome Kiara atacou o agressor e o afugentou com mordidas. O pai da garota contou que a filha só fala na Kiara, que agora passou a ser chamada de heroína.

Comentários do Facebook