De um lado pro outro

O tempo teima

João Carlos é poeta e morador do Jardim América
João Carlos é poeta e morador do Jardim América

Em permanecer calado

A chuva é fina

Mas é insistente… molhada…

A noite continua loooongaa…

Se recusa acabar,

Essa malcriada…

Maldito, o imbecil

Que um dia disse,

Que a amiga íntima dos poetas

É a madrugada…

Fria… muda…

Teimosa… gelada…

 

Comentários do Facebook