Dom

Dhiogo José Caetano é professor, escritor e jornalista
Dhiogo José Caetano é professor, escritor e jornalista

O dom de transferir o que se sabe se concretiza com arte de aprender o que se ensina.

Ninguém sabe tudo e todos não sabem nada.

Quem julga saber não tem a compreensão de aprender.

O dom de ensinar se torna possível graças ao dom de aprender.

O homem que alimenta do saber não se deixa dominar pelos padrões étnicos raciais.

O saber é um processo doloroso, que marca a alma.

Uma afirmativa promove grandes transformações.

Em certas fases da vida o ser humano elimina a dor somente com o sono profundo.

As dores da alma é um reflexo da carne.

Viver é romper com os limites do medo de morrer.

A mais perfeita plástica é feita na alma.

Onde há dinheiro não há verdade.

Envelhecer é romper com os limites da existência.

Nada é verdade, longo tudo é uma mentira.

O verdadeiro amor é construído dentro daquele que vê além das falsas realidades.

O que é dor pra mim é uma esperança pra você.

Só quem sente é quem sabe.

Há dois lados da moeda, mas só existe uma única verdade.

A concretização do homem como ser existente vai além das teorias, pois a nossa existência se concretiza a partir da construção dos nossos próprios métodos e teorias de sobrevivência.

É dez vezes mais fácil culpar o outro pelo fracasso do que assumir o próprio erro.

Vivemos em uma sociedade que busca o ter não o ser.

Se tiver razão permaneça calado, se não tem razão mantenha-se no silêncio constante.

Feliz aquele que vivencia muitas experiências em uma longa existência.

O amor real é aquele presente em corpos diferentes, mas na mesma sintonia.

Viver é encontrar pessoas e nesses encontros eternizar grandes sentimentos em curtos momentos da nossa existência.

Feliz aquele que ama além das barreiras sociais; acreditando na humanidade; olhando com amor, sinceridade e solidariedade.

Evoluir é um passo dado por mais de uma pessoa; pois, preciso de você para crescer e só assim terei a certeza que valeu a pena existir.

Evolutivamente devemos renovar e aceitar as mudanças.

Dhiogo José Caetano é professor, escritor e jornalista

Comentários do Facebook