Mãe e filho podem ser presos após se assumirem como casal

mae-filho-beijando
Mãe e filho se conheceram ano passado |Foto: Reprodução/Daily Mail

Uma mãe – Mônica Mares, de 36 anos – e o filho dela – Caleb Peterson, de 19 anos – lutam na Justiça para conseguir manter um relacionamento amoroso. Mas, segundo publicação do jornal Daily Mail, pela lei do Novo México, nos Estados Unidos, se continuarem juntos, os dois podem ser presos até 18 meses por incesto.

Mãe de nove filhos, Monica entregou Caleb para adoção quando ele era apenas um bebê, mas, no ano passado, eles se apaixonaram poucas semanas após o reencontro.

“Ele é o amor da minha vida e eu não quero perdê-lo. Meus filhos o amam, assim como toda minha família. Nada pode nos separar, nem a Justiça, nem a cadeia”, disse a mulher em entrevista exclusiva.

Caso seja condenada, a mulher disse que, ao deixar a prisão, planeja se mudar com o filho para um lugar que permita o amor dos dois, já que, apesar de crime em todos os estados, as leis e punições variam de um para o outro.

Amor a primeira vista

A mãe conta que, no começo, o abraço foi apenas maternal. “Foi quase amor à primeira vista, mas primeiro foi amor de mãe. Ele veio para casa viver comigo e estávamos felizes como mãe e filho”, conta Mares. No começo, nada diferente aconteceu, mas, depois, os “sentimentos loucos”, como ela própria descreveu, manifestaram. “Nós demos as mãos e acabamos nos beijando. E o beijo levou a outras coisas”, disse a mulher em entrevista ao tabloide britânico.

LEIA MAIS: Jovens de Goiânia estariam extorquindo Neymar com vídeo constrangedor

A mulher também contou como sobre a primeira vez que os dois falaram sobre os sentimentos. “Primeiro eu disse a ele ‘Sinto muito, eu não sei como você vai reagir a isso. Sou sua mãe e você, meu filho, mas estou me apaixonando por você’. Ao que ele respondeu: “Quer saber? Eu também. Estava com medo de te contar”. Por decisão judicial, o casal permanece separado.

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter

Comentários do Facebook