Após conclusão do inquérito da Polícia Civil, decisão do Ministério Público pela denúncia ou não dos presos provisórios é aguardada no Caso Danilo | Foto: Montagem/FZ
Após conclusão do inquérito da Polícia Civil, decisão do Ministério Público pela denúncia ou não dos presos provisórios é aguardada no Caso Danilo | Foto: Montagem/FZ

O Ministério Público Estadual deve denunciar Hian Alves de Oliveira como autor do homicídio de Danilo Silva, morto no dia 21 de julho em Goiânia.

A expectativa é de que o pronunciamento do MP seja feito já nesta 4ª feira (12).

Na data, segundo fontes ligadas à Segurança Pública, espera-se que o órgão, que é titular das ações penais públicas no país, também peça a soltura de Reginaldo Lima.

Processo

O inquérito, concluído e apresentado ao público na 2ª feira (10) pela Polícia Civil, foi distribuído para a promotora de Justiça Renata de Oliveira Marinho e Sousa.

Ela e sua equipe agora analisam os autos, que contêm todos os depoimentos e provas colhidas pelos investigadores.

Caso decida pela denúncia, a promotora sustentará pela condenação do investigado perante a Quarta Vara dos Crimes Dolosos Contra à Vida de Goiânia.

O caso, porém, segue em segredo de Justiça, sob determinação do juiz Antonio Fernandes de Oliveira.

LEIA MAIS 👉 Hian teria matado Danilo para incriminar Reginaldo, aponta PC


Acompanhe a Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook