Não fará milagre, mas também não fará vergonha. Salve jorge!

JorginhoJorge vem de lá da Capadócia iscnócia, não sabe nada de beócia, e não tem mais nada pra rimar com Capadócia.

Enfim, a minha opinião sobre Jorginho é bem ampla e cara. Ele não é aquele treinador piroca das galáxias que vai chegar e dar jeito em tudo. Pelo preço que veio, único que podemos pagar, tem um fardo de pelo menos encher linguiça, não envergonhar a torcida, e pelo jeito não incomodar ninguém.

Dragões que rondam a Gávea

O nosso Jorge, não tá montado num cavalo, nem veio da Lua (sáporra é coisa de Cúrintiano), mas uma coisa ele tem que fazer: matar alguns dragões que rondam a Gávea. Uma ‘draga’ e seus discípulos dragõezinhos já foram embora, graças ao ‘super-blue’. Agora, falta destruir os dragões que sobraram. O dragão de jogadores chegados-com-pinta-de-que-jogam-alguma-caceta, mas não jogam nada. O dragão tático, o dragão moral, o dragão torcida-pode-confiar-em-mim e o Dragão voz-ativa. Esse último já está agonizando, quase morrendo.

Não dá pra almejar sonhos

Não dá pra esperar milagre. Mais que o carioqueta esse ano, é delirar muito alto. Com esse time de 2013, não dá pra almejar sonhos muito ambiciosos. Se o Jorge trabalhar sério, não ser sequestrado pelos jogadores e não dar espaço para balelinhas e corpos mole, já fico feliz.

Se esse time de hoje, 21 de Março de 2013, continuar o mesmo para o Brasileirão, um 4° lugar pegando uma vaguinha na Liberta, já acharei o Jorginho um Guardiola, só que com um escudo bem mais charmoso no peito. Mesmo crendo que não chegam contratações a ponto de mudar o time pro brasileiro, sonhar não custa nada.

O legal da vinda do Jorginho, foi que o Fla usou aquela tática stealth dos Navy Seals e não deixou a contratação vazar de Sábado pra Domingo. Fizeram o anúncio oficial pelo site do clube (como tem sido sempre) e ludibriaram os céticos jornalistas e especuladores sem carteira assinada, que só falaram em Mano Menezes o tempo todo. Clap clap clap!

Não fará milagre, mas também não fará vergonha

É isso Nação, minha opinião sobre o Jorge que veio da iscnócia, é essa. Não fará milagre, mas também não fará vergonha. Parece que será transparente ao longo do trabalho. Vamos esperar o tempo passar, as coisas se enrolarem e desenrolarem. Desejo um bom trabalho pro Jorginho, a Nação tá aqui pra apoiar quem esteja à beira do gramado. Menos se for algum Gaúcho por aí… Não entendeu? Clica!

Ah vascaínos, vocês acharam mesmo que eu concluiria este texto sem antes falar do momento mágico de vocês? Ontem, estava eu no meu twitter, vendo as novidades, até que me deparo com uma onda de zoações dos meus amigos da Fla-Twitter e umas tags que resumiam tudo: #UhuNovaIguaçu #VoltaPedrinho #VoltaEurico #aNaçãoApóia. Mermão, o bicho tá pegando hein? Vendo a situação de vocês meus amigões portugueses, o Mengão tá galáctico!

Deixo aqui meus pêsames. Deixo também meus votos de ‘volta Eurico’. Eu apoio. E com a Paty de vice!

Mas como já dizia Shakespeare…Ops, Conde de Oxford: “Ema, ema, ema, cada um seus pobrema”.

Valeu Nation, que o Jorginho possa ser além-carioqueta! Tamo junto.

 

Gabriel Oliveira: autor do artigo
Gabriel Oliveira: autor do artigo

Artigo escrito pleo blogueiro Gabriel Oliveira

Acesse: www.canelada.com.br 

Comentários do Facebook