"Não tiveram o mínimo de escrúpulo com a vida humana", declara Daniel Vilela

Em entrevista coletiva, presidente do MDB de Goiás criticou a postura de Vanderlan e disse que "foi por isso que perderam as eleições"

Daniel Vilela MDB GO
Daniel Vilela (MDB-GO) em entrevista coletiva | Foto: Reprodução

O presidente estadual do MDB, Daniel Vilela, criticou a postura de Vanderlan Cardoso (PSD) durante a campanha do 2º turno das eleições em Goiânia.

Filho do prefeito eleito da capital Maguito, ele disse em entrevista coletiva na noite deste domingo (29) que o candidato da oposição “não teve o mínimo de escrúpulos com a vida humana”.

“Saíram nessa semana com carros de som anunciando a morte do candidato adversário (Maguito). Nós temos também informações que fizeram disparos em massa no WhatsApp com mensagens de fake news relativas ao estado de saúde do candidato”, criticou Daniel.

Daniel Vilela GO
Entrevista coletiva cedida por Daniel Vilela | Foto: Folha Z

Abstenções

Com 356.949 (36,75%), o presidente do MDB também comentou o alto número de abstenções em Goiânia.

“Acho que muitas dessas pessoas, elas não manifestaram votando no adversário (Vanderlan), mas sim sua insegurança não indo votar. Talvez essa seja uma das razões dessa alta abstenção”, comentou Daniel.

Vilela também comentou sobre a estratégia adotada por ambas as chapas.

“Mais uma vez fica provado que esse tipo de campanha, sórdida como foi, inadmissível, ela não dá resultado positivo para quem a pratica. É por isso que perderam as eleições”, declarou o presidente estadual do MDB.

Daniel Vilela MDB GO
Presidente do MDB-GO Daniel Vilela | Foto: Folha Z

LEIA MAIS ➡️ Maguito é eleito prefeito de Goiânia


Acompanhe a Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook