Obras do Novo Santuário Basílica de Trindade | Foto: Divulgação/Afipe
Obras do Novo Santuário Basílica de Trindade | Foto: Divulgação/Afipe

Apenas 17% da obra da nova Basílica de Trindade estão concluídos.

De acordo com o presidente da Associação Filhos do Pai Eterno (Afipe), padre André Ricardo de Melo, as fundações e a base de concreto do subsolo do edifício, onde se hospedará um ossário, já estão completamente finalizadas.

“Não se pode perder de vista que se trata de uma mega construção, e isso significa que é preciso entender toda a multiplicidade de trabalhos que são realizados, para dar base à realização da execução de fundações e de estruturas de suporte do edifício requerem outro tanto de estruturas de apoio para as caixas de concreto e de ferragem”, afirmou.

O padre ainda citou a pandemia para destacar as necessidade de conciliar o andamento das obras com a segurança e saúde dos trabalhadores.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Folha Z (@folhaz)

Polêmica

Iniciada em 2012 pela Afipe, a construção da nova Basílica de Trindade teve orçamento inicial de R$ 100 milhões e inclui o maior sino suspenso do mundo.

Nesse meio tempo, a associação acabou virando alvo de uma investigação do Ministério Público de Goiás por suspeitas de desvios milionários em recursos oriundos de doações de fiéis.

“O financiamento da obra é exclusivamente feito pelas doações do devoto do Pai Eterno. Além dos compromissos com a construção, a Nova Afipe também cumpre outras finalidades estatutárias da Associação, realizando um trabalho evangelizador que envolve a manutenção de uma TV com abrangência nacional e o apoio ao trabalho social. Desse modo, a construção segue sendo uma prioridade ao lado dessas outras obrigações que são bastante onerosas. Se as doações diminuem, todos esses setores de atuação da Nova Afipe, incluindo a construção, são impactados”, afirmou o padre André.

Com os atrasos, a previsão de finalização da obra, que era de 2026, agora está indefinida.

presidente da Associação Filhos do Pai Eterno (Afipe), padre André Ricardo de Melo | Foto: Divulgação/Afipe
presidente da Associação Filhos do Pai Eterno (Afipe), padre André Ricardo de Melo | Foto: Divulgação/Afipe

Jordevá Rosa volta à TV com jornal em rede nacional


Acompanhe a Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook