PM é condenado a 624 anos

Casa de Detenção (Carandiru)
Casa de Detenção (Carandiru)

O ex-policial militar Cirineu Carlos Letang Silva foi condenado a 624 anos de prisão na noite dessa terça-feira, 9, em São Paulo.

Cirineu é o último réu acusado de participar do massacre do Carandiru e foi condenado em regime fechado pela morte de 52 presos, em 1992. A decisão cabe recurso.

Silva era integrante da equipe da Polícia Militar que invadiu o pavilhão 9 na rebelião que matou 111 presos da Casa de Detenção (Carandiru).

Comentários do Facebook