Taxista é preso com farda da PM e diz: ‘era para seduzir mulheres’

Segundo ele, a farda da PM foi um presente de um policial aposentado | Foto: Divulgação / Polícia Civil
Segundo ele, a farda da PM foi um presente de um policial aposentado | Foto: Divulgação / Polícia Civil

Foi preso em flagrante na última quinta-feira, 18, um taxista que carregava uma farda da PM (Polícia Militar) dentro do porta-malas do seu veículo.

Danilo, de 28 anos, foi preso no Pelourinho, em Salvador (BA), e afirmou na delegacia que usava o uniforme como uma maneira de seduzir mulheres.

Além disso, ele contou que a farda foi dada a ele como presente por um policial militar aposentado.

De acordo com informações da Polícia Civil baiana, o uniforme era composto por uma camisa preta com o nome “Soldado PM Danilo Paixão” bordado, calça caqui, um par de coturnos e uma camisa da Superintendência de Telecomunicações (Stelecom).

LEIA MAIS: Mulher é presa em flagrante após compartilhar local de blitz no WhatsApp

Além disso, ele também tinha em sua posse um rádio comunicador, um coldre e uma faca.

Autuado

Abordado pelo Batalhão Especializado em Policiamento Turístico (Beptur) da PM, o taxista foi levado para a Delegacia de Proteção ao Turista (Deltur).

Na delegacia, constatou-se que Danilo já possuía um mandado de prisão preventiva em aberto pelo crime de receptação de um carro roubado, está à disposição da Justiça.

Agora, ele responderá pelos crimes de uso de documento falso e falsificação de símbolos identificadores de órgãos da administração pública e usurpação de função pública.

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter

Comentários do Facebook