A Polícia Civil (PC) identificou e prendeu 2 suspeitos de ter matado a tiros um tatuador no setor Nova Cidade, em Aparecida de Goiânia.

A prisão aconteceu nessa 3ª feira (22).

Durante o cumprimento de mandados de busca e apreensão, a polícia encontrou calçados àqueles que os autores estavam usando no momento do crime.

autores calçados tatuador Aparecida
Calçados que autores estariam usando no momento do crime foram apreendidos | Foto: Divulgação
tenis tatuador Aparecida
Tênis que um dos autores estaria usando no momento do crime | Foto: Divulgação
Botina tatuador Aparecida
Botina que um dos autores estaria usando no momento do crime | Foto: Divulgação

Segundo o Grupo de Investigação de Homicídios (GIH) de Aparecida, os suspeitos confessaram a autoria.

Ainda conforme apurado pela PC, a morte ocorreu em razão de uma guerra entre facções rivais.

prisão homicídio tatuador Aparecida prisão homicídio tatuador Aparecida

O crime

Walef Junio Toledo foi alvejado por diversos disparos de arma de fogo no dia 18 de novembro deste ano.

O crime aconteceu por volta de 11h30 dentro de um estúdio de tatuagem, que fica na Avenida 21 de abril, na Nova Cidade.

Uma câmera de segurança da parte externa de uma distribuidora de bebidas registrou a ação.

Veja:

As imagens mostram o momento em que os homens entram no local do crime e saem em fuga pela Rua Marechal Rondon. A ação durou cerca de 30s.

Ainda conforme o registro, os autores chegaram a pé, mas ambos portavam capacete, um deles na mão e o outro na cabeça.

No momento da ação, eles entraram e saíram 1 de cada vez.

LEIA MAIS ➡️ VÍDEO: Jovem é preso após furtar ônibus em Goiânia e dirigir por 100 km


Acompanhe a Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook