Novos ataques de 'tarado' são denunciados por mulheres no Papillon Park

Homem praticou os assédios em um carro de luxo preto. Segundo 1 das vítimas, ele seria alto, magro, de cabelo grisalho e 'boa aparência'

Segundo vítimas e testemunhas, veículo usado pelo suspeito de assediar mulheres no Papillon Park é um modelo de luxo da cor preta | Foto: Meramente Ilustrativa
Segundo vítimas e testemunhas, veículo usado pelo suspeito de assediar mulheres no Papillon Park é um modelo de luxo da cor preta | Foto: Meramente Ilustrativa

Novos ataques de um assediador foram denunciados por moradoras do Setor Papillon Park, em Aparecida de Goiânia.

As ações são semelhantes às do “Tarado da Moto”, figura que ficou conhecida após aterrorizar diversas mulheres de Goiânia e Aparecida em 2018.

O novo suspeito age pela manhã e a diferença é que usa um carro para cometer os crimes.

Segundo vítimas e testemunhas, o veículo usado pelo suspeito é um modelo de luxo da cor preta.

Uma dessas vítimas, inclusive, anotou a placa do carro e as características do homem.

Relato da vítima

De acordo com ela, o suspeito é branco, alto, magro e possui cabelo grisalho.

A vítima, que preferiu não se identificar, ainda reforçou que ele seria um homem de “boa aparência”.

Ela conta que saía da casa do ex-companheiro, por volta das 11h de um domingo, quando foi abordada pelo assediador.

“Vem aqui, vamos conversar, vamos sair. Eu disse não. Ele insistiu, pegou minha mão e tentou colocar dentro da calça dele”, relatou a vítima.

Ainda de acordo com ela, no mesmo dia uma amiga também foi abordada pelo homem.

Só no Papillon Park, 4 mulheres dizem que foram abordadas pelo criminoso.

‘Tarado da Moto’

No ano passado, em Goiânia, diversas vítimas denunciaram um homem em uma moto vermelha que estava atacando mulheres.

Uma câmera de segurança flagrou um dos ataques do suspeito a uma mulher de 37 anos, no Jardim Primavera, em Goiânia.

Com as imagens, um retrato falado do “Tarado da Moto” foi feito pela Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam).

Polícia Civil divulga retrato falado de criminoso que é conhecido como Tarado da Moto e tem atuado na Região Noroeste de Goiânia | Foto: Divulgação / PC
Polícia Civil divulga retrato falado de criminoso que é conhecido como Tarado da Moto e tem atuado na Região Noroeste de Goiânia | Foto: Divulgação / PC

Porém, até agora nenhum suspeito dos crimes foi preso.

Em Aparecida

No início deste ano, mulheres em Aparecida denunciaram que foram vítimas de um homem com as características semelhantes às do “Tarado da Moto”.

As ocorrências foram na região do Mansões Paraíso, Anel Viário da BR-153, Alto Paraíso e da Avenida Rio Verde.

Agora, foi a vez do Papillon Park registrar novas denúncias. Inclusive, o setor é vizinho do Mansões Paraíso.

Deam

Responsável pela Deam, a delegada Cássia Sertão afirma que as investigações estão em andamento.

Delegada Cássia Costa Sertão Tarado da Moto Goiânia
Delegada responsável pela Deam, Cássia Costa Sertão, apura o caso do Tarado da Moto em Goiânia | Foto: Reprodução

A recomendação de Cássia, nesses casos, é que as vítimas denunciem para que inquéritos sejam abertos e a prisão dos suspeitos seja mais rápida.

Tarado da Moto segue à solta e mulheres temem mais ataques em Goiânia


Acompanhe tudo que acontece em Goiânia e Aparecida seguindo o Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook