Isabela Albquerque escreve sobre a cultura do estupro | Foto: Marcos Santos/ USP
Isabela Albquerque escreve sobre a cultura do estupro | Foto: Marcos Santos/ USP

A cultura do estupro é uma construção que envolve crenças e normas de comportamento que banalizam, legitimam e toleram a violência sexual contra a mulher.

A verdade é que a mulher é diariamente desumanizada e considerada um objeto. Muitas vezes, ela leva a culpa no lugar do seu agressor, só por estar com uma companhia errada, por estar no lugar errado ou até por usar uma roupa considerada curta.

Veja mais sobre a cultura do estupro na opinião de Isabela Albuquerque:

LEIA MAIS 👉 14 anos da Lei Maria da Penha: Temos mesmo o que comemorar?


Acompanhe a Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook