Os bastidores do retorno de Veter e da ascensão de Davi

Entenda como o ex-procurador da Câmara selou o retorno do vice-prefeito para o círculo ativo de Gustavo

Blog do Coelho

Como o Blog já havia antecipado, a reconciliação entre Veter Martins e Gustavo Mendanha era apenas uma questão de tempo.

E o tempo chegou.

Veter acompanhou o prefeito em sabatina realizada pela Federação das Indústrias do Estado de Goiás (Fieg) na última 5ª (29).

Ao lado de Vilmar Mariano, o vice ainda posou para 1 foto que Mendanha legendou da seguinte forma nas redes: “Muito orgulho em ter meus amigos nesse momento”.

Veter, Gustavo e Vilmar vão juntos a sabatina | Foto: Divulgação
Veter, Gustavo e Vilmar vão juntos a sabatina | Foto: Divulgação
Veter Martins e Vilmar Mariano | Foto: Divulgação
Veter Martins e Vilmar Mariano | Foto: Divulgação

O articulador da reaproximação

E o principal responsável por articular o acerto entre os antigos aliados tem nome e sobrenome.

Foi o ex-procurador da Câmara Davi Mendanha quem selou o retorno de Veter para o círculo ativo do prefeito.

Ele manteve contato com ambas as partes e ajudou a navegar os períodos mais turbulentos do conflito.

Apesar da reconciliação, porém, ainda não há nenhuma indicação se Veter continuará na gestão caso o prefeito seja reeleito.

Mas, na visão deste Blog, por tudo que aconteceu e pelas demonstrações recentes de Gustavo (que reconheceu o erro de se desfazer do vice), ele deve, sim, ganhar uma pasta importante.

Davi Mendanha | Foto: Folha Z
Davi Mendanha | Foto: Folha Z

Davi Mendanha

Mas não foi só pela “Crise do Vice” que Davi Mendanha ganhou reconhecimento nos últimos tempos.

Primo de Gustavo, ele também é um de seus principais assessores jurídicos e homem de confiança do prefeito.

Além de técnico, Davi aprendeu a ser político.

Segundo aliados e vereadores, sua capacidade de articulação evoluiu a ponto de, em determinadas situações, ser mais requisitado do que os colegas André Rosa e Fábio Pasaglia.

Nas crises recentes em que atuou para apagar “incêndios”, agiu com discrição e silêncio.

À boca miúda, corre no Paço Municipal o seguinte cometário: “Não deu conta, chama o Davi”.

Em nível de atuação na articulação interna, apenas Tatá Teixeira demonstra maior penetração, mas com uma importante diferença: Tatá tem plano de lançar voo próprio.

Já o plano de Davi é só 1: levar Gustavo ao Palácio das Esmeraldas.

LEIA MAIS: Veter e Gustavo cumprem 1ª agenda juntos após rompimento


Quer receber notícias dos bastidores da política de Aparecida? NOSSO NÚMERO MUDOU!

Você está convidado a fazer parte de um grupo altamente bem informado sobre os rumos da cidade!

Mande uma mensagem para o Whatsapp da Folha Z e se cadastre para ter as matérias especiais da Folha Z direto do seu celular!

É só adicionar o telefone do jornal à sua agenda e mandar o seu nome e a seguinte mensagem: “quero notícias da política de Aparecida”.

Comentários do Facebook