Cairo Peixoto e Paulo Garcia se estranham

Cairo Peixoto diz usar 40 dias de arrecadação para quitar 30 dias
Prefeito recusou proposta de reforma administrativa de Cairo

O prefeito de Goiânia, Paulo Garcia (PT), e o secretário de Finanças, Cairo Peixoto, estão se estranho. Isto, pois segundo o jornal O Popular o prefeito teria recusado a reforma administrativa proposta por Cairo. O jornal destaca que a reforma economizaria à cidade R$ 45 milhões por mês.

Paulo Garcia optou por uma reforma que economiza apenas R$ 1,5 milhão por mês – sendo o déficit 26 vezes maior (R$ 40 milhões/mês). Segundo o secretário, o rombo afeta a cidade a cada mês. Ele destacou a crise do lixo, que já se arrasta desde o ano passado. A sinceridade de Cairo tem irritado os aliados do prefeito, que já pedem o afastamento do secretário.

Comentários do Facebook