Deputado da oposição afirma que Jayme Rincón sabia da nova fase da Operação Compadrio

Veja o que o deputado postou no Twitter
Veja o que o deputado postou no Twitter

Estava prevista para esta quinta-feira, 20, a ida do presidente da Agetop e pré-candidado à prefeitura de Goiânia, Jayme Rincón, até a Assembleia Legislativa. O tucano iria prestar esclarecimentos sobre a Operação Compadrio, mas a visita foi adiada para o dia 10 de setembro.

Para alguns deputados da oposição, que cobraram a presença do presidente na Casa, Jayme Rincón sabia que hoje haveria novas prisões na segunda fase da Operação Compadrio, deflagrada na semana passada pelo Ministério Público de Goiás (MP-GO).

“Depois de implorar para falar, está explicada a ausência de Jayme Rincón na Alego. O MP deu continuidade nas prisões da Operação Compadrio”, escreveu no Twitter o deputado major Araújo.

 

Comentários do Facebook