São falsas imagens de Caiado sendo espancado por empresários revoltados com a quarentena

“Isso é pra quem não tá querendo deixar o povo trabalhar. Olha o que o cara fez com o Caiado lá em Goiânia… o governador entrou na taca." Você recebeu essa mensagem?

Grupos de WhatsApp foram inundados na manhã desta 2ª feira (30) por supostas imagens do governador Ronaldo Caiado (DEM) sendo espancado por comerciantes e empresários insatisfeitos com a quarentena decretada em Goiás até o dia 4 de abril.

Junto às imagens de um homem de cabelos grisalhos sendo agredido por chutes e socos, um áudio “explica” a conexão da cena com a atual situação da capital do Estado.

“Isso é pra quem não tá querendo deixar o povo trabalhar. Olha o que o cara fez com o Caiado lá em Goiânia… o governador entrou na taca”, narra a mensagem.

Porém, tudo não passa de fake news.

Fake News

De acordo com uma publicação do jornal “Opção”, o verdadeiro contexto das imagens foi revelado pelo fotógrafo que as registrou.

Segundo ele, as fotos mostram uma briga de rua que ocorreu casualmente durante um ensaio em 2013, no Rio Grande do Sul.

Também nesta manhã, por meio do Twitter, o governador elogiou o trabalho da imprensa no combate às fake news:

“Nesta luta contra o coronavírus, ainda não encontramos a vacina, mas temos remédio muito eficaz: a informação que orienta e que desarma as fake news. Agradeço a cada um dos profissionais da imprensa goiana e nacional. Nós, goianos, agradecemos de coração. #GoiásContraCoronavírus.”

Em rompimento com Bolsonaro, Caiado diz que não admite a postura do presidente


Acompanhe tudo que acontece em Goiás seguindo a Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook