Prefeito Rogério Cruz | Foto: Divulgação/Secom
Prefeito Rogério Cruz | Foto: Divulgação/Secom

Quase uma semana depois que a Prefeitura de Goiânia emitiu nota oficial afirmando que não ocorrerão mais substituições no secretário de Rogério Cruz (Republicanos), as movimentações seguem intensas nos bastidores.

No texto, as informações repassadas à imprensa são chamadas de “fogo amigo”.

Mas fontes internas do Paço Municipal são categóricas: Rogério não abandonou o plano de montar uma equipe de governo com sua cara.

A análise é compartilhada por muito assessores, que citam a ainda perceptível influência do presidente municipal do MDB, Daniel Vilela, na composição do atual secretariado.

Na prática, continuam na mira da reforma pastas de alto calibre, como Planejamento e Habitação, Infraestrutura, Comunicação e Mobilidade.

Confira o teor da nota divulgada na semana passada:

“Não há discussão em curso sobre novas substituições na estrutura da Prefeitura de Goiânia. As informações veiculadas na imprensa são tratadas como fogo amigo e não desviam a atenção do prefeito no combate à Covid-19. Neste momento, a confirmação de variante mais agressiva do coronavírus exige do prefeito dedicação integral para controle da saúde pública da capital.”

‘Prefeito ofuscado’: 1 dos motivos do clima tenso no Paço de Goiânia


Acompanhe tudo que acontece em Goiânia seguindo a Folha Z no Instagram (@folhaz), no Facebook (jornalfolhaz) e no Twitter (@folhaz)

Comentários do Facebook