Aquilo não foi erro, foi roubo, diz PH Ganso para juiz de clássico

Meia Paulo Henrique Ganso
Meia Paulo Henrique Ganso

O meia Paulo Henrique Ganso detonou o árbitro Ricardo Marques Ribeiro após a derrota do São Paulo por 2 a 0 para o Corinthians, na noite dessa quarta-feira (18), em Itaquera, na estreia dos times na Libertadores.

“Aquilo não foi erro, foi roubo. Se tivéssemos o Serginho Chulapa no vestiário, ele ia lá e batia no árbitro. Hoje não se faz mais nisso. E no final de semana, ele estará apitando normalmente. O que ele fez foi palhaçada. Ele tinha que sair daqui de camburão”, declarou o jogador do São Paulo. O lance reclamado por Ganso é o segundo gol Corinthians, quando Emerson fez falta em Bruno e o juiz mandou seguir. Na sequencia, Jádson balançou as redes e decretou vitória.

 

Comentários do Facebook