“Vergonha”: meia toma atitude absurda em jogo entre Atlético e Crac e é demitido

Após cenas lamentáveis, meia Guaraci foi demitido pelo Crac | Foto: Reprodução
Após cenas lamentáveis, meia Guaraci foi demitido pelo Crac | Foto: Reprodução

O meia Guaraci foi demitido nesta quinta-feira, 10, após reunião entre o Crac e o atleta. A decisão foi tomada depois que o jogador agrediu um colega de time e xingou o juiz da partida contra o Atlético, no Estádio Olímpico, na última quarta.

“Depois daquele episódio, ou melhor, daquela pouca vergonha, não tínhamos outra coisa a fazer. Foi uma coisa ridícula. Conversamos com o jogador à tarde e dissemos que ele está dispensado. Não faz mais parte do elenco do Crac”, disse o presidente Roberto Silva.

Caso

Tudo aconteceu ao final do primeiro tempo da derrota do Crac por 1 a 0 contra o Atlético. Guaraci desferiu um tapa na nuca de Jorginho após o gol do adversário. Avisado por seus auxiliares, o juiz Bruno Rezende expulsou o jogador imediatamente.

LEIA MAIS: Vila Nova vence fora e segue firme na liderança. Cocá promete mudanças no Camaleão

Insatisfeito, Guaraci apelou para o juiz e teve que ser contido pelos outros jogadores. Na saída do campo, o atleta fez gestos obscenos para o árbitro.

“Foi o primeiro episódio de indisciplina dele aqui no clube. O jogador disse que foi uma atitude impensada, mas não podemos tolerar, ainda mais em um jogo televisionado para todo o Estado. O Crac é maior do que tudo isso. Ele entendeu. Caso encerrado”, explicou o presidente.

Acompanhe o Folha Z no Facebook, Instagram e Twitter

Comentários do Facebook