Aposentado é preso em Goiânia por explorar mãe de 91 anos e deficiente visual

O aposentado foi acusado de explorar a mãe por mais de dez anos | Foto: Reprodução
O aposentado foi acusado de explorar a mãe por mais de dez anos | Foto: Reprodução

Clarizon Martins de Melo, de 61 anos, foi preso suspeito de explorar a própria mãe, de 91 anos e que possui deficiência visual, na manhã desta sexta-feira (15). Ele foi encontrado em sua casa no Setor Vera Cruz, em Goiânia. A Polícia Civil recebeu uma denúncia anônima sobre o caso.

Durante os últimos dez anos, o filho retirava a pensão de R$ 5 mil da mãe e entregava menos da metade disso à idosa. A vítima morava com duas outras filhas na Chácara do Governador. Elas desconfiavam que a pensão deveria ser bem maior.

LEIA MAIS: Exames confirmam estupro de jovem por taxista em Aparecida

“A idosa ficou com dó dele”

“O suspeito entregava o dinheiro para a mãe e quando as irmãs dele chegavam elas conferiam o dinheiro. mas como elas não sabiam o valor correto, não questionavam nada”, disse Ana Lívia, titular da Delegacia Especializada no Atendimento ao Idoso.

“A idosa ficou preocupada com o filho, com dó dele. Já as irmãs de Clarizon disseram que com essa quantia, a mãe poderia ter uma vida melhor”, contou a delegada.

Clarizon foi preso e encaminhado ao IML para um exame de corpo de delito. Depois, ele será levado para a Delegacia Especializada no Atendimento ao Idoso. O aposentado pode pegar até quatro anos de prisão.

Comentários do Facebook