Assembleia de Deus é uma das igrejas mais antigas do Jardim América

Conheça a história do Ministério Jardim América, atualmente presidido pelo pastor Juvenil, e fundado em 1958, pelo saudoso pastor Nelson Guilharde

Por Fernanda Kalaoun

No último e ensolarado dia de abril, o Folha Z visitou o prédio anexo da Igreja Assembleia de Deus, ministério Jardim América. O pastor presidente Juvenil Saturnino Fernandes, um senhor de 73 anos e voz serena, retirou a papelada de cima da mesa de seu escritório e começou a narrar, com datas e endereços deveras precisos, sua jornada no evangelho e a história da denominação no Jardim América.

“Foi fundada em 1958, na Vila Mauá, Setor Sudoeste. Em 1960, mudamos para o Jardim América, na Avenida C-23, número oitenta”, detalhou o pastor Juvenil. Apenas em 1983, a igreja foi transferida para atual sede, propriedade particular da organização cristã, localizada na Rua C-117, próximo ao Colégio Estadual Deputado José de Assis. Hoje, apenas o ministério liderado pelo pastor Juvenil, conta com 180 congregações espalhadas pelo Estado. “Quando assumi a igreja, haviam 80 congregações do nosso ministério. Um crescimento de mais 100%”, contou orgulhoso.

Pastor há quase cinquenta anos, Juvenil Saturnino fala do ministério que preside e dos desafios da liderança (Foto: Valdemy Teixeira)
Pastor há quase cinquenta anos, Juvenil Saturnino fala do ministério que preside e dos desafios da liderança (Foto: Valdemy Teixeira)pastr

História                                         
Crescimento, à propósito, visto como um dos maiores desafios para o pastor Juvenil. Arrecadar fundos para as obras da instituição, de acordo com pastor, não é tão simples. Mesmo para uma denominação tão tradicional e antiga como a Assembleia de Deus. Fundada no Brasil em 1911, em Belém, no Pará, a instituição mudou o nome Missão de Fé Apostólica para o atual título, sugestão de um dos fundadores.

Ao longo desse mais de um século de vida – o centenário foi comemorado em 2011 – a denominação se propagou por diversos estados brasileiros. Hoje, ela conta com mais de 22 milhões de fiéis espalhados pelo País. Sem contabilizar membros das demais igrejas, localizadas por 217 países do mundo.

Cooperação
No entanto, cada pastor é responsável por suas ovelhas, por isso Juvenil conta com a assistência de 409 ministros nas 180 congregações. Lá, na matriz, totalizam 21 pastores para ajudar no árduo trabalho de oração, aconselhamento, disciplina e discipulado. A instituição, inclusive, oferece cursos para formação de presbíteros e diáconos, além de estudo teológico, indicado aos quem tem vocação para o pastorado.

Entretanto, não são apenas os pastores que auxiliam Juvenil na obra. O líder evangélico conta com seu braço direito e esposa Maria Jerci Fernandes, com quem teve quatro filhos, todos criados nos princípios cristãos. Juvenil converteu-se ao evangelho, em 1968, no Ministério Fama, e foi consagrado pastor em 1985. Já o Ministério Jardim América, foi fundado pelo saudoso pastor Nelson Guilharde, de quem herdou a presidência da congregação.

Clamor às autoridades
Embora a igreja esteja estabelecida há mais de 50 anos no Jardim América, pastor Juvenil, como líder preocupado e socialmente responsável, já clamou às autoridades pela instalação de semáforos no cruzamento entre as avenidas C-1 e C-105, em frente ao Cepal. Também, na interceptação entre a C-207 e a C-190, na Praça Santos. Locais onde ocorrem muitas batidas entre veículos. O pastor também se inquieta com a velocidade d os carros que transitam na rua da igreja, onde ocorre grande fluxo de pessoas nos horários de cultos. “Poderia haver alguma sinalização para redução de velocidade”, afirma o pastor.

Ao fim da conversa, Pastor Juvenil citou Mateus 11:28 e 29 como mensagem para os servos de Deus. “Venham a mim, todos os que estão cansados e sobrecarregados, e eu darei descanso a vocês. Tomem sobre o meu jugo e aprendam de mim, pois sou manso e humilde de coração, e vocês encontrarão descanso para as suas almas”.

Comentários do Facebook